Investigação

Bilhete achado com Zalewski fala em métodos de estado policial na campanha eleitoral

Documento estava no bolso do coordenador do plano de governo de Sebastião Melo (PMDB), encontrado morto na segunda-feira

19/10/2016 - 13h18min | Atualizada em 19/10/2016 - 14h00min
Bilhete achado com Zalewski fala em métodos de estado policial na campanha eleitoral Omar Freitas/Agencia RBS
Foto: Omar Freitas / Agencia RBS

O bilhete em tom de despedida encontrado no bolso da camisa de Plínio Zalewski é curto, fala de métodos policiais na campanha eleitoral e registra um pedido de perdão à família, que teria perdido a paz nos últimos tempos.

Zero Hora apurou a maior parte do teor do documento, que ainda será periciado para que se verifique se é mesmo de autoria de Plínio.

"Muito bem.
Vocês conseguiram.
Espero que deixem minha família em paz.
Espero que façam política, mas não com métodos de Estado Policial, grampo, hackea
 ..."

No trecho seguinte, há pedido de perdão à família, dizendo saber que isso será difícil. E segue:

"Mas que possam retomar a paz depois de passada a tempestade provocada por minha atitude".

Plinio.

Leia também:
Como foram as últimas horas de Plínio Zalewski
Morte de Zalewski será investigada apenas pela Polícia Civil
No luto, amigos tentam entender o que se passava com Plínio Zalewski


 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.