Política

Justiça eleitoral suspende propaganda em rádio e televisão por 24 horas em Porto Alegre

Decisão foi tomada após pedido das coligações de Marchezan e Melo em razão do luto pela morte de Plínio Zalewski 

Por: Zero Hora
17/10/2016 - 20h05min | Atualizada em 17/10/2016 - 20h22min

O juiz Gustavo Diefenthäler, titular da 114ª Zona Eleitoral, deferiu, no início da noite desta segunda-feira, um pedido das coligações dos candidatos à prefeitura de Porto Alegre, Nelson Marchezan Júnior (PSDB) e Sebastião Melo (PMDB), para que a propaganda eleitoral em rádio e televisão seja suspensa nas próximas 24 horas. A decisão foi tomada após pedidos das coligações de Marchezan e Melo em razão do luto pela morte de Plínio Zalewski, coordenador do plano de governo da chapa peemedebista.

Leia mais:
Membro de campanha de Melo demonstrava incômodo com vídeo
Morte de coordenador do PMDB abala campanha eleitoral na Capital
Quem era Plínio Zalewski, coordenador da campanha de Melo encontrado morto em Porto Alegre

Segundo o magistrado, com a decisão, até as 18h de terça-feira, não serão veiculados os programas eleitorais dos dois partidos e nem inserções dos candidatos ao longo das programações de rádio e televisão.

No período que compreende a decisão judicial, as emissoras irão manter sua programação normal como se a Capital não estivesse disputando o segundo turno das eleições municipais. As redes de rádio e televisão irão adequar sua programação para substituir os espaços destinados à propaganda eleitoral. Como o deferimento do juiz aconteceu por volta das 19h, até esse horário, algumas inserções dos candidatos foram ao ar, mas o programa eleitoral das 20h30min desta segunda não deverá ser veiculada.

O pedido da coligação de Marchezan solicitava apenas a retirada das inserções, enquanto o da chapa de Melo era mais abrangente, incluindo os programas. Posteriormente, o PSDB aceitou o requerimento da coligação do peemedebista.

O titular da 114ª Zona Eleitoral afirmou que a ação foi deferida "em respeito ao luto das coligações":

— (foi avaliada) A vontade das coligações, no sentido de respeitar o luto em função da morte desse cidadão — afirmou o magistrado.

No total, durante o dia, são 70 minutos diários em inserções e 20 minutos distribuídos para cada candidato.

*Zero Hora

 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.