Improviso institucional

VÍDEO: o que se pode comprar com os R$ 82,2 milhões gastos em diárias

Valor diz respeito aos gastos acumulados entre 2011 e 2016 com o pagamento de diárias para PMs que atuam na força-tarefa nos presídios

Por: Carlos Ismael Moreira
17/04/2017 - 22h09min | Atualizada em 18/04/2017 - 14h34min

O pagamento de diárias para brigadianos que atuam na força-tarefa da Brigada Militar nos presídios é considerada irregular pelo Ministério Público de Contas (MPC). Apenas em 2016, o repasse para os cerca de 500 PMs que atuam em cadeias do RS chegou a R$ 12,3 milhões. Entre 2011 e o ano passado, o desembolso acumulado foi de R$ 82,2 milhões.

Veja no vídeo acima o que esses gastos poderiam custear.

Gasto anual em diárias da Operação Canarinho
2016 - R$ 12.395.073,93
2015 - R$ 12.642.503,41
2014 - R$ 13.766.463,91
2013 - R$ 14.348.729,58
2012 - R$ 14.754.526,61
2011 - R$ 14.355.137,67
Total - R$ 82.262.435,11

Leia mais:
Em seis anos, RS pagou R$ 82,2 milhões em diárias para PMs em presídios
MP de Contas vê distorção histórica no pagamento de diárias a PMs
Mudança para legalizar adicional de PMs em presídios não emplacou
Entenda como são pagas as diárias de PMs que atuam nos presídios


 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.