Náufrago

Homem e filha de seis anos chegam à costa da Austrália após 1 mês perdidos em alto mar 

Navegador planejava realizar viagem pela costa da Nova Zelândia, mas ficou à deriva após tempestade danificar sua embarcação 

Por: Zero Hora
12/01/2017 - 22h27min | Atualizada em 12/01/2017 - 22h27min

Após ficarem perdidos mais de um mês em alto mar, o neozelandês Alan Langdon, de 46 anos, e sua filha de seis anos chegaram à costa da Austrália, na cidade de Ulladulla, na quarta-feira. Juntos, eles percorreram 2 mil quilômetros no agitado Mar da Tasmânia, utilizando um barco com o leme danificado, segundo informações do site G1.

Leia mais:
Forças americanas que mataram 33 civis no Afeganistão agiram em "legítima defesa", sustenta Otan

Os dois planejavam realizar uma viagem curta pela costa da Nova Zelândia. O plano deu errado após Langdon enfrentar uma tempestade que acabou causando estragos em sua embarcação, mudando a rota planejada anteriormente e deixando os dois perdidos em alto mar.

O neozelandês deve ficar mais alguns dias na cidade australiana, onde pretende consertar seu barco antes de retornar para sua cidade.

 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.