Antiterrorismo

EUA proíbem laptops e tablets em voos partindo do Oriente Médio

Funcionários de alto escalão disseram à imprensa que foi dado um prazo de 96 horas para que companhias aéreas coloquem em prática a proibição

21/03/2017 - 07h40min | Atualizada em 21/03/2017 - 07h40min

Os Estados Unidos proibiram nesta terça-feira o porte de laptops, tablets e outros dispositivos eletrônicos nos voos provenientes de oito países do Oriente Médio, invocando o risco de atentados terroristas contra voos comerciais.

Funcionários de alto escalão disseram à imprensa que foi dado um prazo de 96 horas — a partir das 7h GMT (4h de Brasília) desta terça-feira — para que nove companhias aéreas de oito países proíbam seus passageiros de portar dispositivos maiores que telefones celulares ou smartphones na cabine.

Leia mais:
Bill Gates lidera lista de mais ricos do mundo pelo quarto ano consecutivo
Trump recebe premiê do Iraque e expressa decisão de acabar com EI

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.