Crônicas da Estação: inverno é bom, sim

Maurício Amaral é o terceiro integrante do Pretinho Básico a dar suas impressões sobre o frio

Por: Maurício Amaral
27/07/2010 - 03h36min
Zero Hora convidou os integrantes do programa Pretinho Básico, da Rede Atlântida, para contar qual a imagem que eles têm do frio. Pode ser uma lembrança de infância, um filme, um livro, um período de férias.

Até o próximo domingo, durante a última semana de férias de inverno, eles vão esquentar este espaço com suas impressões. O terceiro da série é o Maurício Amaral:

E o frio hein?!

– Amor, a nossa relação esfriou!

– Bah, o cara só me mete em fria.

– Essa notas são frias, não valem nada.

– Paulinho, come logo antes que a comida esfrie!

– Não vai lá que é fria.

– Sei lá, ela me tratou de um jeito frio...

– O assassino era frio e calculista.

Inconscientemente somos levados a crer que frio significa coisas negativas. Até as temperaturas no inverno são negativas. (dããã) Ok, vou procurar evitar as piadinhas infâmes aqui em Zero Hora...

Mas o frio pode ser bom. O brabo é provar isso. Somos dois ou três Estados atingidos por frio de verdade, contra toda uma nação tropical que nunca ouviu falar em luva, touca e cachecol!

Frio é ausência de calor. Mas peraí, o calor não pode ser a ausência de frio? Não, diriam os físicos. Inclusive para a Física, o frio não existe! Não existe uma definição de frio, assim como existe uma definição para calor. O frio é uma sensação. Viu só, o frio é psicológico!

Por falar em sensação, tô começando a me irritar com esse papo de sensação térmica. Agora é moda falar que a temperatura é de 13 graus, mas a sensação térmica é de menos 40!

Ora, por favor, se é uma sensação, não pode ser generalizada. Cada um sente de uma maneira. Em um casal por exemplo, sempre tem aquele que sente mais frio, que dorme de calça, meia, blusa, casaco, luva e touca, e o homem, que no máximo bota uma camiseta pra dormir, de preferência aquela das eleições de 1982, muito confortável.

A sensação térmica é uma percepção e, sendo uma percepção, ela possui diferentes considerações. Um baiano vai ter uma maior sensação de frio nos dois ou três dias que ele passa em Gramado do que o gaúcho que já está acostumado com o frio a Serra!

Então, por favor amigos da previsão do tempo, facilitem as nossas vidas e nos passem apenas a temperatura que o termômetro mostra. Se tá 13 graus, digam município tal, temperatura 13 graus neste momento, e deixe que cada um tenha a sua sensação térmica. Sensação térmica é que nem..., que nem..., que nem..., que nem buuuuuchecha, cada um tem a sua.

Inverno é bom pra se vestir bem, caprichar naquele casacão de lã, comprado em 10 vezes no carnê, que só vai terminar de pagar em fevereiro do ano que vem, quando os termômetros vão estar na casa dos 40 graus e o casaco vai estar lá no fundo do armário pegando aquele cheirinho bom...

Bom para sair em dia de chuva e parecer um lutador de esgrima com o guarda-chuva tentando não se molhar por causa da chuva que vem em 300 direções por causa do vento! Sem contar os sem-noção que insistem em dar com a ponta do guarda-chuva bem na tua testa...

Inverno é bom pra queimar a língua com aquele chocolate quente que a gente toma num gole só. Ou quase vomitar com aquele café frio que a térmica insiste em não conservar quente...

É bom para estreitar amizade com os atendentes de farmácia. Sim, já que você vai dar uma passadinha lá, dia sim, dia não, para comprar medicamentos contra gripes, resfriados...

Inverno é bom sim, deixa de ser ranzinza!

Notícias Relacionadas

26/07/2010 | 03h45

Crônicas da Estação: ninguém gosta de frio

Marcos Piangers é o segundo integrante do Pretinho Básico a dar suas impressões sobre o inverno

24/07/2010 | 19h54

Crônicas da Estação: as faces do frio

Alexandre Fetter inaugura o espaço onde integrantes do Pretinho Básico escreverão sobre o frio

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.