Ministério Público pede prisão preventiva do motorista que atropelou ciclistas

Ricardo Neis prestou depoimento na Delagacia de Crimes de Trânsito nesta segunda-feira

28/02/2011 - 19h57min | Atualizada em 28/02/2011 - 22h39min
Ministério Público pede prisão preventiva do motorista que atropelou ciclistas Genaro Joner/
Ricardo Neis concedeu uma rápida entrevista coletiva na delegacia Foto: Genaro Joner  

O Ministério Público Estadual pediu na noite desta segunda-feira a prisão preventiva de Ricardo Neis, 47 anos, que atropelou dezenas de ciclistas na Cidade Baixa, na última sexta-feira. Para os promotores Eugênio Amorim e Lúcia Helena Callegari, que atuam no Tribunal do Juri da Capital, as imagens da internet somadas ao histórico de infrações graves no trânsito revelariam um perfil violento do condutor.

– Ele tem multas por dirigir na contramão, em cima da calçada e outras infrações graves. Precisa ser preso, pois não há justificativa para o que fez, explicou Amorim. Conforme o promotor, o caso foi um crime doloso (com intenção de matar) e duplamente qualificado, por ter sido cometido por motivo fútil e por um meio que impossibilitou defesa das vítimas.

Neis prestou depoimento na Delagacia de Crimes de Trânsito nesta segunda-feira e depois concedeu uma rápida entrevista. Ele afirmou que foi cercado pelos manifestantes e que se sentiu ameaçado, por isso tomou a decisão de avançar com o veículo.

O bancário garantiu que não teve a intenção de atropelar os ciclistas, mas tentou fugir depois que um grupo começou a bater no seu carro. Questionado se tomaria a mesma atitude novamente, ele afirmou que "nem teria saído de casa".

VÍDEO: o momento do atropelamento


 

Entenda o caso:

Na sexta-feira, 25 de fevereiro, pouco depois das 19h, pelo menos 15 ciclistas foram atingidos por um Golf, na Rua José do Patrocínio, na área central de Porto Alegre. Oito deles foram encaminhados ao Hospital de Pronto Socorro e liberados algumas horas depois. O motorista fugiu do local. O carro foi encontrado na madrugada de sábado, abandonado em um bairro da zona leste da Capital.

O motorista foi identificado pela polícia como Ricardo Neis, 47 anos, bancário. Na segunda-feira, 28 de fevereiro, Neis se apresentou à Polícia Civil e alegou legítima defesa dele e do seu filho de 15 anos.


 



Veja no mapa o local do atropelamento:


Exibir mapa ampliado

Notícias Relacionadas

28/02/2011 | 12h05

Motorista que atropelou ciclistas na Capital se apresenta à Polícia Civil

Ricardo Neis, 47 anos, foi escoltado por quatro policiais do GOE

28/02/2011 | 03h52

"Começaram a bater no carro", diz filho de motorista que atropelou ciclistas em Porto Alegre

Homem que dirigia Golf vai alegar legítima defesa dele e do adolescente

28/02/2011 | 02h43

Motorista que atropelou ciclistas na Capital pode ir a júri popular

Atropelador deve se apresentar à polícia nesta segunda-feira

27/02/2011 | 22h52

Grupo de ciclistas confirma protestos de repúdio a atropelamento coletivo

Na terça-feira, manifestantes devem sair do Largo Zumbi dos Palmares às 17h e pedalar até a Prefeitura

27/02/2011 | 18h47

Motorista que atropelou ciclistas em Porto Alegre deve se entregar na segunda-feira

Advogado fez contato com o delegado neste domingo

27/02/2011 | 15h12

Vídeo flagra atropelamento de ciclistas e desespero de participantes de pedalada em Porto Alegre

Grupo trafegava pela Rua José do Patrocínio quando foi atingido por um veículo Golf

26/02/2011 | 20h24

Polícia identifica dono de veículo que atropelou ciclistas em Porto Alegre

No momento do atropelamento, oito vítimas ficaram feridas

26/02/2011 | 13h54

VÍDEO: veja o momento em que ciclistas foram atropelados na Capital

Grupo trafegava pela Rua José do Patrocínio quando foi atingido por um veículo Golf

26/02/2011 | 03h14

Localizado carro que teria atropelado grupo de ciclistas na Capital

Segundo a Brigada Militar, veículo estava abandonado no bairro Partenon

 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.