Ele falava em jogar um avião no Cristo Redentor, diz primo do autor do massacre de Realengo

Testemunha depôs na noite de quinta-feira na Divisão de Homicídios da Polícia Civil

Por: Humberto Trezzi, enviado especial ao Rio
08/04/2011 - 08h27min
Ele falava em jogar um avião no Cristo Redentor, diz primo do autor do massacre de Realengo Marcos de Paula/Agência Estado
Policiais revistam a casa de Wellington Menezes de Oliveira, 23 anos, no bairro Sepetiba, zona oeste do Rio Foto: Marcos de Paula / Agência Estado  
Algumas certezas já começam a surgir na investigação sobre o massacre de 12 crianças no Rio de Janeiro. O autor da chacina, Wellington Menezes de Oliveira, nunca teve problemas com a Polícia, sequer brigou na escola. Ao contrário, era vítima de gozações dos colegas (bullying), pelo fato de ser calado e de mancar de uma perna.

O comportamento tímido escondia um vulcão de sentimentos conflitantes, revelou um primo do assassino, que depôs na noite de quinta-feira na Divisão de Homicídios da Polícia Civil.

— Ele falava em jogar um avião no Cristo Redentor. Era fascinado pelo 11 de Setembro (atentado com aviões em Nova Iorque, em 11 de setembro de 2001, que deixou cerca de 3 mil mortos).

O primo que testemunhou aos policiais viveu com Wellington numa casa da Rua do Cacau, a cerca de três quarteirões da escola onde ele realizou a chacina. Ele ainda disse que o matador se dizia fundamentalista muçulmano e treinava pilotar aviões, num jogo de computador.

Por ter deixado uma longa barba crescer, alguns vizinhos em Sepetiba (onde estava morando há cerca de dois anos) o chamavam de Bin Laden.

Ouça o relato de Humberto Trezzi na Rádio Gaúcha:



Leia mais:

> Polícia divulga lista de estudantes mortos
> Ambiente é de consternação
Os piores ataques a escolas nos últimos 15 anos
Em carta, atirador pede perdão a Deus
> Haddad: tragédia sem precedentes
> Ataque foi premeditado, diz comandante


O ataque:


Um homem identificado como Wellington Menezes de Oliveira, 23 anos, entrou armado nesta quinta-feira na Escola Municipal Tasso da Silveira, em Realengo, zona oeste do Rio de Janeiro, por volta das 8h. Segundo testemunhas locais, ele chegou a conversar com professores e alunos e, em seguida, começou a atirar.

Uma das crianças conseguiu escapar e pediu ajuda a policiais militares do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRV) que davam apoio a uma blitz nas proximidades da escola, na Rua Piraquara. Ao chegar ao local, um policial atirou na perna do criminoso e pediu que ele largasse a arma. O homem caiu baleado e, ao ser rendido, atirou contra a própria cabeça.

Em gráfico, veja como foi o massacre

 

Confira a localização da escola:


Visualizar Homem invade escola no Rio de Janeiro e atira contra estudantes em um mapa maior

Notícias Relacionadas

08/04/2011 | 04h28

“Ele atirava sorrindo”, diz aluna que conseguiu fugir de massacre em escola no Rio

Menina de 12 anos conseguiu fugir do chacina na escola da zona oeste fluminense

08/04/2011 | 04h23

Polícia encontra computador destruído em casa de autor de massacre no Rio

Psicóloga também esteve no local para traçar perfil de Wellington Menezes

08/04/2011 | 04h07

"O Brasil está de luto", diz ministra Maria do Rosário sobre chacina em escola do Rio

Titular da Secretaria dos Direitos Humanos da Presidência da República, gaúcha visitou estudantes que permanecem internados

08/04/2011 | 03h57

Principal objetivo da investigação é traçar perfil psicológico de atirador, informa polícia

Jovem teria queimado computador de sua casa para tentar apagar provas

07/04/2011 | 18h48

Governador do Rio decreta luto oficial de sete dias em memória das vítimas de Realengo

Na manhã desta quinta-feira, colégio foi invadido por um atirador que matou 11 crianças e deixou outras 13 feridas

07/04/2011 | 18h36

Polícia divulga lista com nomes das vítimas de chacina em escola do Rio

Atirador cometeu suicidio após massacre

07/04/2011 | 18h23

Polícia do Rio divulga lista com os nomes de oito alunos mortos no massacre em Realengo

Enterro das vítimas deve ocorrer nesta sexta-feira

07/04/2011 | 18h22

Diálogo ajuda crianças a superar traumas como o ataque em escola do Rio

Psicóloga afirma que pais devem incentivar filhos a falar sobre a experiência

07/04/2011 | 16h56

Ambiente é de consternação em frente a escola do Rio que foi palco de chacina

Aproximadamente mil pessoas estão no local, entre policiais, jornalistas, vizinhos, curiosos

07/04/2011 | 16h47

Estudante que escapou do massacre no Rio corre o risco de ficar paraplégica

Taiane Tavares Pereira, de 13 anos, foi atingida por três tiros

07/04/2011 | 16h10

Medo na escola: lembre os piores ataques a instituições de ensino nos últimos 15 anos

Tiroteio desta manhã no Rio de Janeiro deixou 11 estudantes mortos

07/04/2011 | 15h41

VÍDEO: internauta registra cenas do ataque à escola em Realengo, no Rio

Gravação mostra crianças feridas saindo do local desesperadas

07/04/2011 | 15h03

Em carta, homem que invadiu escola pede perdão a Deus

Wellington Menezes de Oliveira, de 23 anos, aponta questões religiosas e dá indícios de que o ataque foi premeditado

07/04/2011 | 14h43

Após tragédia no Rio, Dilma decreta luto de três dias

Emocionada, a presidente pediu um minuto de silêncio em respeito às vítimas

07/04/2011 | 14h34

Escola onde ocorreu tragédia no Rio de Janeiro ficará fechada por tempo indeterminado

Interdição ocorre para o trabalho da perícia, segundo a chefe da Polícia Civil do Estado

07/04/2011 | 11h32

Em visita a Porto Alegre, Haddad diz que ataque a escola no Rio é tragédia sem precedentes

Segundo ele, o dia deveria ser de comemoração para o magistério após a aprovação do STF

07/04/2011 | 11h26

Secretaria de Saúde confirma morte de 11 alunos e de atirador em escola de Realengo

Tragédia ocorreu na Escola Municipal Tasso da Silveira, na zona oeste do Rio de Janeiro

07/04/2011 | 11h05

Ataque à escola em Realengo foi premeditado, diz comandante de batalhão da PM

Djalma Beltrame afirma que atirador deixou uma carta no local do crime

07/04/2011 | 10h28

Bombeiros confirmam mais de 10 mortos em escola invadida por atirador do Rio

Feridos foram socorridos por helicóptero ao Hospital Estadual Albert Schweitzer

07/04/2011 | 09h53

PM confirma morte de atirador que invadiu escola no Rio de Janeiro

Onze alunos morreram, segundo informações da Secretaria de Saúde

07/04/2011 | 09h01

Homem invade escola no Rio de Janeiro e atira contra estudantes

Pelo menos 11 alunos morreram e 13 ficaram feridas

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.