Crime

Casal é morto dentro de igreja no bairro Belo Horizonte, em Caxias do Sul

Uma jovem levou um tiro no pé e foi encaminhada ao Hospital Pompéia

Casal é morto dentro de igreja no bairro Belo Horizonte, em Caxias do Sul  Ricardo Wolffenbüttel/
Crime aconteceu na Rua dos Caminhoneiros na Igreja Assembleia de Deus Foto: Ricardo Wolffenbüttel
Três homens armados invadiram o culto de domingo à noite da Igreja Assembleia de Deus Chama Pentecostal, no bairro Belo Horizonte, em Caxias do Sul. Um casal foi morto e uma moça ficou ferida.

Conforme testemunhas, os três homens invadiram a igreja por volta das 20h40min e atiraram para cima, ordenando que todos se deitassem no chão. Depois, foram direto até o casal e dispararam várias vezes à queima-roupa. Naquele momento, cerca de 60 pessoas participavam do culto na igreja localizada na garagem de uma residência na Rua dos Caminhoneiros.

Foram mortos o pedreiro José Roberto Pires Hofman, 44 anos, e a mulher dele, a dona de casa Jandira Alves Hofman, 41. Eles tinham seis filhos e moravam no bairro Belo Horizonte há cerca de 30 anos. Há aproximadamente um mês, o casal havia começado a frequentar a igreja. 

— Eles (os atiradores) praticamente descarregaram os revólveres neles — conta uma testemunha.

Uma moça de 20 anos levou um tiro no pé e foi encaminhada ao Hospital Pompéia. Ela estava bem e passava por atendimento na noite de domingo.

Conhecidos do casal dizem que Hofman e a mulher não tinham inimigos ou desavenças que poderiam explicar o crime. 

— Eles nunca tiveram confusão com ninguém. Não sei o que pode ter acontecido — afirma um parente.

Os três atiradores teriam fugido a pé. Por volta das 23h, a perícia e a Polícia Civil estavam no local coletando informações. A Brigada Militar fazia buscas pelos criminosos na região. Os corpos foram encaminhados ao Departamento Médico Legal (DML) de Caxias.
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.