Cápsula em órbita

Foguete Soyuz decola com três tripulantes rumo à Estação Espacial Internacional

Astronauta americano e dois russos partiram na madrugada desta terça, no Cazaquistão

15/05/2012 | 04h12
 Foguete Soyuz decola com três tripulantes rumo à Estação Espacial Internacional  Bill Ingalls/AP
Este foi o terceiro lançamento bem sucedido de um Soyuz desde o fracasso registrado em 2011 Foto: Bill Ingalls / AP

Um foguete russo Soyuz com três astronautas a bordo decolou nesta terça-feira do centro espacial de Baikonur, nas estepes do Cazaquistão, com destino à Estação Espacial Internacional (ISS).

O americano Joseph Acaba e os russos Guennadi Padalka e Serguei Revine partiram às 3h do horário local (meia-noite em Brasília) a bordo da nave Soyuz TMA-04M.
A cápsula entrou em órbita da Terra minutos após o lançamento, tal como estava previsto, destacou a agência russa Interfax.

Trata-se do quarto voo espacial para o comandante Padalka, que já passou o total de 585 dias em órbita. É a primeira missão espacial de Serguei Revine e a segunda para Joseph Acaba.

Na ISS, os três astronautas se unirão ao russo Oleg Kononenko, ao americano Don Pettit e ao holandês André Kuipers, que decolaram do mesmo centro espacial no dia 21 de dezembro passado.

Este foi o terceiro lançamento bem sucedido de um Soyuz desde o fracasso registrado em agosto de 2011 com um foguete do mesmo tipo, em meio a uma série de problemas no programa espacial russo.

A Rússia é atualmente o único país capaz de enviar astronautas à ISS, após o fim do programa de ônibus espaciais dos Estados Unidos.

Os americanos pagam à Rússia cerca de 50 milhões de dólares por astronauta levado à ISS, e não se espera o lançamento de uma nave americana antes de 2015.

 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.