A vez de Agnelo

CPI recebe hoje o governador do DF

Petista deverá ser questionado especialmente sobre sua relação com a construtora Delta

13/06/2012 | 05h03

Depois de ouvir o governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), ontem, hoje será a vez do governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz (PT), prestar depoimento à CPI do Cachoeira.

A participação do petista na comissão está prevista para começar às 10h15min.

Desde a semana passada, Agnelo está se preparando para depor. Como treinamento, o governador do Distrito Federal recrutou uma equipe formada por jornalistas e juristas. Diariamente, ele adotou como rotina responder a questões relacionadas principalmente à Delta.

Gravações feitas pela PF mostram integrantes do grupo de Cachoeira negociando propina para conseguir benefícios para a construtora no DF. Agnelo é suspeito de favorecer a Delta em contratos no governo, principalmente no recolhimento de lixo. Na quarta-feira passada, o governador rompeu os contratos com a empresa.

Além dos depoimentos dos governadores, a CPI do Cachoeira ainda terá sessão administrativa amanhã. Senadores e deputados votarão os requerimentos para convocar o ex-diretor do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), Luiz Antonio Pagot, e do dono da construtora Delta, Fernando Cavendish.

VEJA TAMBÉM

     
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.