Motim

Incêndio em prisão deixa 13 detentos mortos na Turquia

Rebelião ocorreu em cela com 18 presos comuns na penitenciária do sudeste daquele país

17/06/2012 | 02h26

Pelo menos 13 presos morreram na noite deste sábado em um incêndio provocado por amotinados em uma prisão do sudeste da Turquia com mil detentos, informaram autoridades penitenciárias.

Cinco detentos tiveram de ser hospitalizados depois que os presos na penitenciária de Sanliurfa atearam fogo em cobertores e colchões. As informações são da agência Anatolia, que cita o governador Celalettin Guvenc.

O motim ocorreu em uma cela com 18 presos comuns, e o incêndio foi controlado antes de se espalhar para o restante da prisão de Sanliurfa, onde também estão presos políticos. Os detentos protestavam contra as condições da prisão, sobretudo falta de ar condicionado apesar do calor, reportou a emissora NTV.

VEJA TAMBÉM

     
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.