Estiagem no RS

Racionamento adiado em Passo Fundo

Chuva que caiu na região dá fôlego de uma semana antes que a população de 184 mil habitantes sofra cortes no abastecimento de água

04/06/2012 | 11h35
Racionamento adiado em Passo Fundo Marielise Ferreira/Agencia RBS
Chuva fraca em Erechim começa a recuperar nível da barragem da Corsan Foto: Marielise Ferreira / Agencia RBS

A chuva que caiu entre a madrugada de domingo e a manhã de segunda-feira deu um novo fôlego à população de Passo Fundo, que deveria enfrentar racionamento de água a partir da terça-feira. O racionamento foi adiado por uma semana pela Corsan, após uma reunião técnica na manhã desta segunda-feira.

Desde a madrugada de domingo foram registrados 60 mm de precipitação em Passo Fundo, o que serviu para recuperar o nível das duas barragens que abastecem a cidade. A barragem da Fazenda da BM, subiu 22cm e a barragem Arroio Miranda, subiu 36 cm em dois dias. Também houve economia de 4 milhões de litros de água de sábado para domingo, um número aquém dos 20 milhões de economia pretendidos pela Corsan, mas que se somaram à chuva para permitir o adiamento da medida de racionamento.

Conforme o superintendente regional da Corsan de Passo Fundo, Paulo Berta, a companhia deve continuar a campanha de uso racional de água para que a população reduza ainda mais o consumo.

- É imprescindível que a população colabora. Se continuar a chover e concluirmos a transposição do rio Jacuí poderemos reavaliar no fim de semana e talvez até cancelar o racionamento em definitivo, salienta Berta.

Confira site especial sobre a estiagem no Estado

Em Erechim a precipitação registrada entre a madrugada de domingo e a manhã de segunda-feira foi de apenas 45 mm, recuperando 16 cm do nível da barragem. Conforme o gerente local da Corsan, Rodimar Passaglia, a precipitação ainda é insuficiente para pensar em encerrar o racionamento que completa dois meses no dia 6.

- Vamos ver o resultado nos próximos dias, se houver aumento na vazão dos rios que abastecem o lago de captação, salienta Passaglia.

Na agricultura a pouca chuva ajuda a amenizar os efeitos da seca, dando umidade ao solo e recuperando a vegetação.

Notícias Relacionadas

Estiagem inclemente 02/06/2012 | 02h59

Cinco meses após incursão de Zero Hora pelo interior do RS, seca ainda mata o gado e liquida lavouras

Reportagem voltou às localidades visitadas em janeiro, quando os efeitos da estiagem que assola o Estado já se faziam sentir

Norte do Estado 01/06/2012 | 19h15

Passo Fundo decreta racionamento

Seca obriga Corsan a fazer cortes no abastecimento a partir das 14h de terça-feira

Torneiras secas 01/06/2012 | 06h31

Racionamento afeta tarefas simples de quem vive no norte do Estado

Tomar banho, lavar roupas e até dar a descarga no vaso sanitário viram problema

Cicatrizes da seca 30/05/2012 | 06h16

Histórias submersas nas últimas decadas voltam à tona com a falta de chuva

Rios abaixo do nível no RS revelam segredos escondidos no fundo de seus leitos

Seca sem precedentes 24/05/2012 | 21h45

Animais morrem de fome e sede em Joia, no noroeste do Estado

Pecuarista teve de recorrer a rações para alimentar os animais e gastou mais de R$ 3 mil

 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.