Incêndio em Santa Maria

Situação foi de caos, afirma dentista que estava na boate Kiss

Fogo teria começado já na primeira música do show da banda que se apresentava no local

27/01/2013 - 08h17min | Atualizada em 27/01/2013 - 18h44min

O relato de um dentista que estava na boate Kiss, em Santa Maria, na madrugada deste domingo, afirma que o incêndio teria começado já na primeira música do show da banda que se apresentava no local. A partir daí, instalou-se o caos no local, com a tentativa de saída dos frequentadores.

Veja também
Confira imagens do local onde aconteceu a tragédia
Confira a lista de feridos em incêndio em boate em Santa Maria
Tragédia em Santa Maria cancela rodada do Gauchão

— Tem um corrimão para organizar a fila, e era tanta gente empurrando que ele parecia um arame. Ele ficou trancado e começou a cair gente — afirmou o dentista, à Rádio Gaúcha.

Segundo ele, o ambiente era de pavor — a boate, cujo público ficaria entre 18 e 30 anos, estaria lotada. O dentista também contou que só conseguiu sair porque tinha combinado de encontrar uma amiga perto da porta.

— Vi gente morrer na minha frente — lamentou.


A tragédia

O incêndio na boate Kiss, no centro de Santa Maria, começou entre 2h e 3h da madrugada de domingo, quando a banda Gurizada Fandangueira, uma das atrações da noite, teria usado efeitos pirotécnicos durante a apresentação. O fogo teria iniciado na espuma do isolamento acústico, no teto da casa noturna.

Sem conseguir sair do estabelcimento, mais de 200 jovens morreram e outros 100 ficaram feridos. Sobreviventes dizem que seguranças pediram comanda para liberar a saída, e portas teriam sido bloqueadas por alguns minutos por funcionários.

 A tragédia, que teve repercussão internacional, é considera a maior da história do Rio Grande do Sul e o maior número de mortos nos útimos 50 anos no Brasil.

Veja onde aconteceu

 
Imagem: Arte ZH

A boate

Localizada na Rua Andradas, no centro da cidade da Região Central, a boate Kiss costumava sediar festas e shows para o público universitário da região. A casa noturna é distribuída em três ambientes - além da área principal, onde ficava o palco, tinha uma pista de dança e uma área vip. De acordo com o comando da Brigada Militar, a danceteria estava com o plano de prevenção de incêndios vencido desde agosto de 2012. 

Clique na imagem abaixo para ver a boate antes e depois do incêndio

A festa

Chamada de "Agromerados", a festa voltada para estudantes da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) começou às 23h de sábado. O evento era de acadêmicos dos cursos de Agronomia, Medicina Veterinária, Tecnologia de Alimentos, Zootecnia, Tecnologia em Agronegócio e Pedagogia. Segundo informações do site da casa noturna, os ingressos custavam R$ 15 e as atrações eram as bandas "Gurizadas Fandangueira", "Pimenta e seus Comparsas", além dos DJs Bolinha, Sandro Cidade e Juliano Paim.




Acompanhe as últimas informações

 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.