Bairro Petrópolis

Fabrício Carpinejar é agredido durante gravação em Porto Alegre

Para a Brigada Militar, o agressor disse que se sentiu constrangido por ter sido filmado sem autorização

05/08/2013 - 18h49min | Atualizada em 06/08/2013 - 12h10min
O escritor Fabrício Carpinejar foi agredido por um homem na tarde desta segunda-feira enquanto gravava o quadro DRnaTV do programa TVCOM Tudo Mais. Por volta das 17h, após entrevistar pedestres na esquina da Rua Carazinho com a Avenida Protásio Alves, no bairro Petrópolis, na Capital, Carpinejar e a equipe de gravação observaram um homem que os filmava usando um tablet.

Ao se aproximar dele, Carpinejar teria sido agredido com socos e pontapés. O homem teria, então, avançado sobre a equipe, segundo o escritor, que também é colunista de ZH e comentarista da Rádio Gaúcha. Com a chegada de uma viatura da Brigada Militar, que estava próxima ao local, o agressor tentou fugir, mas foi contido pelos policiais. Segundo Carpinejar, que teve ferimentos leves, o homem apresentava sinais de embriaguez.

A equipe e o agressor prestaram depoimento no local e foram liberados. O homem disse para a Brigada Militar que se sentiu constrangido por ter sido filmado, segundo ele, sem autorização.
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.