Decisão adiada

Votação do projeto do Parque do Gasômetro é adiada

Por falta de quórum nesta quarta-feira, o assunto deve voltar à pauta da Câmara de Vereadores de Porto Alegre na próxima semana

26/03/2014 | 19h22
Votação do projeto do Parque do Gasômetro é adiada Bruno Alencastro/Agencia RBS
Limites da área seriam praças Brigadeiro Sampaio e Júlio Mesquita e o espaço da CEEE, entre a Rua Washington Luiz e a Avenida João Goulart Foto: Bruno Alencastro / Agencia RBS

O projeto que prevê a instituição do Corredor Parque do Gasômetro, em Porto Alegre, não foi votado por falta de quórum na Câmara de Vereadores na tarde desta quarta-feira. O tema deve voltar à pauta na segunda-feira.

As pessoas que foram à Câmara acompanhar a votação ficaram indignadas com o adiamento da votação.

Prevista na Lei 646/2010, a criação do Corredor Parque do Gasômetro passa pelo primeiro momento, de delimitação de território. A proposta da prefeitura é de que o espaço abranja o Museu do Trabalho e seu entorno, a Praça Brigadeiro Sampaio, a Praça Júlio Mesquita e uma área delimitada pela Avenida Presidente João Goulart, Avenida Loureiro da Silva, Rua Vasco Alves, Rua Washington Luiz e Rua General Salustiano — incorporando o terreno em frente à Câmara, que pertence atualmente à CEEE e ao município.

Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.