Oscilação no clima

Estado registra começo de inverno mais ameno em seis anos

Apesar da previsão de frio intenso para os próximos dias, primeiro mês da estação foi pouco rigoroso

24/07/2014 | 19h05
Estado registra começo de inverno mais ameno em seis anos Ricardo Duarte/Agencia RBS
Chegada do inverno foi marcada por alteração entre períodos de calor e chuva no Estado Foto: Ricardo Duarte / Agencia RBS

Apesar da queda brusca nos termômetros prevista para os próximos dias, com chance de neve, o primeiro mês de inverno de 2014 foi um dos menos rigorosos para os gaúchos nos últimos anos.

Na média, de 21 de junho a 21 de julho, as estações meteorólogicas do Estado registraram temperaturas mínimas entre 2°C e 4°C acima do padrão histórico para o período — situação semelhante à verificada em 2008. Ondas de calor e a nebulosidade contribuíram para amenizar a chegada da estação.

Leia todas as últimas notícias de Zero Hora

Até a mais recente frente fria, o inverno teve pouca cara de inverno. Na Capital, por exemplo, a mínima registrada foi de 5,2°C, segundo a Somar Meteorologia, acima dos 2,1°C verificados em 2011 ou dos 2,4°C de 2010. Em Vacaria, pela primeira vez em pelo menos quatro anos, não foi verificada temperatura negativa nesse prazo de quatro semanas. O termômetro recuou no máximo a 0,8°C, enquanto desceu a -4,5°C em 2011.

Mapas elaborados pela Somar, mostrando a variação das temperaturas mínimas, revelam que elas oscilaram, em média, até 4ºC acima da média histórica para cada região do Estado neste ano. Em 2013, também entre 21 de junho e 21 de julho, essa variação ficou entre o normal para o período e 3°C a mais. Nos anos anteriores, permaneceu ao redor da média histórica. Apenas em 2008 também chegou a até 4ºC além do normal em boa parte do Rio Grande do Sul.

Além de ondas de calor influenciadas pelo vento que soprou do quadrante norte, os gaúchos experimentaram períodos de intensa nebulosidade e chuva. Essas condições evitam que a temperatura suba muito, mas também impedem que ela caia demais.

— Neste ano, temos o fenômeno El Niño, que altera o regime de chuvas e de temperaturas. Não tem relação com o que ocorreu em 2008, embora as variações de temperatura tenham sido semelhantes — afirma o meteorologista do Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC/Inpe) Fábio Rocha.

O perfil do inverno verificado no primeiro mês não significa que as temperaturas mínimas continuarão elevadas até o término da estação. Ondas de frio, como a que deverá atingir o Estado nos próximos dias, poderão reduzir a média geral até a chegada da primavera.

Durante o final de semana, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a temperatura deve chegar abaixo de 0°C nas regiões mais frias do Estado.

Variação das mínimas em relação à média histórica

2014 - 2°C a 4°C acima

2013 - Normal a 3°C acima

2012 - Normal a 1°C abaixo

2011 - Normal a 1°C abaixo

2010 - Normal a 1°C acima

2009 - Normal a 1°C abaixo

2008 - 1°C a 4°C acima

VEJA TAMBÉM

     
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.