Oriente Médio

ONU abre investigação sobre ofensiva israelense em Gaza

Em pouco mais de duas semanas, 670 palestinos foram mortos

23/07/2014 | 14h28
ONU abre investigação sobre ofensiva israelense em Gaza MAHMUD HAMS/AFP
Ataque israelense em Gaza nesta quarta-feira Foto: MAHMUD HAMS / AFP

O Conselho de Direitos Humanos da Organização das Nações Unidas (ONU) abriu, nesta quarta-feira, uma investigação sobre a ofensiva militar israelense em Gaza, que em pouco mais de duas semanas fez mais de 670 mortos palestinos.

Entenda o conflito na Faixa de Gaza
Olhar Global: Guerra de Gaza, 17º dia
Brasil vota a favor de inquérito sobre invasão de Gaza
Confira todas as notícias de Zero Hora

O Conselho adotou uma resolução que prevê esta investigação com 29 votos a favor (países árabes e muçulmanos, latino-americanos e africanos, assim como Rússia e China). Estados Unidos votou contra e os países europeus se abstiveram.

Mais três soldados israelenses morrem

Três soldados israelenses morreram nesta quarta-feira nos combates na Faixa de Gaza, informou o exército, elevando para 32 o número de militares vitimados no conflito.

O comunicado militar acrescenta que outros dois soldados ficaram gravemente feridos no território palestino, onde Israel lançou uma violenta ofensiva.

*AFP

VEJA TAMBÉM

     
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.