Especial ZH

Crime atormenta alunos no entorno de universidades

Zero Hora constatou que a violência fez parte da rotina dos estudantes a partir do momento que colocam os pés para fora dos campi

14/12/2015 - 02h01min | Atualizada em 14/12/2015 - 03h38min

Roubos, furtos, tráfico de drogas, arrastões, sequestro-relâmpago, agressões e até mesmo latrocínio. Todos esses crimes fizeram parte da rotina de estudantes universitários de Porto Alegre e Região Metropolitana no último período letivo. Foi o que constatou Zero Hora ao percorrer, durante três noites, o entorno dos campi da UFRGS, PUCRS, UniRitter e Unisinos.

Alunos relataram diversas situações de perigo, áreas desprotegidas e mal iluminadas. São casos graves, que merecem mais atenção das instituições de ensino e órgãos de segurança pública para o próximo semestre. Clique na imagem abaixo e confira a reportagem especial:

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.