À luz do dia

Dois homens são mortos com pelo menos 50 tiros em lancheria no centro de Porto Alegre

Crime foi praticado a menos de 100m de um quartel da Brigada Militar

11/02/2016 - 20h14min | Atualizada em 12/02/2016 - 11h14min
Dois homens são mortos com pelo menos 50 tiros em lancheria no centro de Porto Alegre André Ávila/Agencia RBS
Policiais militares isolaram a área onde duas pessoas foram assassinadas Foto: André Ávila / Agencia RBS
Foto: Arte / ZH

Dois homens foram mortos a tiros em uma lancheria no centro de Porto Alegre na noite desta quinta-feira. Conforme a Brigada Militar, pelo menos 50 disparos foram efetuados por bandidos dentro de um Focus branco que passou em frente ao local, na esquina da Rua dos Andradas com General Portinho. Luan Silveira da Silva, de 21 anos, e Marcos Ayres, de 42 anos, morreram no local. O duplo homicídio foi praticado a menos de 100 metros do Quartel General da BM. 

Leia mais:
Novo chefe de Polícia assume sem promessa de contratação de novos servidores 
Adolescente é morta a facadas a 100m da Secretaria de Segurança do Estado   
"Somos reféns dos bandidos", diz aposentado  
  

Outra pessoa, ainda não localizada, ficou ferida e, antes da presença dos policiais, foi resgatada por um veículo verde. Poucos minutos depois do crime, que ocorreu às 19h50min, testemunhas informaram a placa do veículo à Brigada Militar. Após buscas, dois suspeitos foram presos no beco do Aranha, no Campo da Tuca. A dupla resistiu à prisão e houve troca de tiros antes de serem pegos. 

A polícia realizou cerco na região e prendeu outros três comparsas e apreendeu o veículo e as armas usadas no crime.

Moradores das proximidades afirmaram que a ação foi muito rápida e durou cerca de três minutos. Proprietário do bar, Juliano de Souza, afirmou que, quando ouviu os tiros, se escondeu embaixo do balcão e só saiu após terminado o barulho. 

Leia mais notícias sobre Segurança Pública

 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.