Eleições 2016

Candidatos a prefeito de Santa Maria viverão um dia de cadeirante 

Prefeituráveis vão percorrer ruas do Centro em uma cadeira de rodas para conhecer as dificuldades enfrentadas por pessoas com deficiências 

22/09/2016 - 15h32min | Atualizada em 22/09/2016 - 17h34min
Candidatos a prefeito de Santa Maria viverão um dia de cadeirante  Agência RBS/
Foto: Agência RBS

O sábado será um dia de desafio para os candidatos à prefeitura de Santa Maria. Os oito prefeituráveis foram convidados a percorrer as ruas do Centro de dois jeitos que fogem as suas rotinas: em um primeiro momento, sentados em uma cadeira de rodas e, depois, empurrando a cadeira.

A iniciativa é da professora Carmen Maria Andrade em parceria com o blog Mulheres Donas de Si. A ideia é que os candidatos sintam na prática a dificuldade que os cadeirantes enfrentam diariamente. Conforme a organização, até o momento, apenas um candidato disse que não participará.

Concurso seleciona alunos de jornalismo para viver a rotina das redações do Grupo RBS Santa Maria

Segundo uma das co-criadoras do blog, Leila Gomes de Moura, o percurso deve durar de 20 a 30 minutos. Cada candidato sairá de um ponto específico do Centro, definido por sorteio, às 10h de sábado. Todos devem se encontrar, ao final do trajeto, no Calçadão.

O posicionamento de mais 18 candidatos à Câmara sobre temas polêmicos

Segundo Leila, a ideia é que os concorrentes se coloquem no lugar dos cadeirantes e que o eleito, após ter passado pela experiência, desenvolva projetos para melhorias na área. 

– Queremos que eles vejam o mundo de forma horizontal e possam sentir o que o cadeirante sente, as dificuldades que eles passam, as barreiras arquitetônicas. Queremos que eles se sensibilizem com a situação, porque não é só os cadeirantes que precisam de acessibilidade adequada – comenta Leila.

O candidato que não participar, terá um manequim como seu representando, com uma placa indicando o seu nome. 

 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.