Porto Alegre

Após tiroteio, BM prende suspeito de matar jovem dentro do aeroporto

Denunciado pelo Ministério Público, Diego da Silva Severo, 25 anos, havia sido identificado por meio de impressões digitais e imagens de câmeras

17/10/2016 - 07h05min | Atualizada em 17/10/2016 - 11h37min

Foto: Ronaldo Bernardi / Agência RBS

A Brigada Militar prendeu, no início da manhã desta segunda-feira, um dos suspeitos de envolvimento na execução de Marlon Roldão Soares, jovem de 18 anos morto com 17 tiros no saguão do Terminal 2 do aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre, um mês atrás. Denunciado pelo Ministério Público, Diego da Silva Severo, o Gão, 25 anos, é apontado pela polícia como um dos autores dos disparos e estava foragido.

Segundo informações preliminares, o suspeito teria se envolvido em um tiroteio na Rua Dona Otília, bairro Santa Tereza, na zona sul da Capital, no início da manhã. A BM foi chamada ao local e encontrou, no pátio de uma casa, Severo baleado na perna, portando uma pistola 9mm e vestindo um colete balístico. Próximo dele estavam um Logan escuro clonado, que foi apreendido.

Foto: Ronaldo Bernardi / Agência RBS

Leia mais:
"Matei porque pegou minha mulher", confessa homem preso por matar jovem em aeroporto
VÍDEO: câmeras mostram execução no aeroporto Salgado Filho
Jovem executado no aeroporto pode ter sido morto por engano

Depois de desarmado, ele foi detido e levado para atendimento no Hospital de Pronto Socorro (HPS), onde estava sob custódia até as 9h. O delegado Cassiono Cabral ouve o depoimento do suspeito no HPS. Quando for liberado pelos médicos, Severo deve ser encaminhado à Polícia Civil para ser registrada prisão em flagrante, junto do carro e materiais apreendidos.

Severo foi denunciado pelo MP, ainda em setembro, por homicídio, tentativa de homicídio (um amigo de Marlon foi atingido de raspão), corrupção de menor (um adolescente de 16 anos participou da execução), receptação de veículo roubado e adulteração da placa desse automóvel. 

Saiba como foi a dinâmica do crime no aeroporto:

— Às 10h10min de segunda-feira, dia 19 de setembro, dois veículos, um Corolla e um Cobalt, chegam juntos ao estacionamento próximo ao Terminal 2 do aeroporto Salgado Filho. 

— Uma mulher, ainda não identificada, de cabelo escuro, calça jeans e blusa verde, desembarca do Corolla. Na sequência, a dupla de atiradores sai do Cobalt. O mais velho foi identificado pela polícia como Diego da Silva Severo, de 25 anos. Ele veste moletom claro com mangas e capuz azul. O mais jovem é um adolescente de 16 anos.

— Diego, o adolescente e a mulher ocupam a mesma mesa na praça de alimentação e aguardam por uma hora até a chegada do grupo de amigos de Marlon Roldão Soares. 

— O grupo chega por volta de 11h. Os atiradores trocam de mesa e sentam mais próximo do grupo. 

— O adolescente levanta e se dirige até a mulher. Neste momento, a polícia acredita que ele tenha recebido orientações sobre o alvo. 

— Às 11h12min, o adolescente retorna para a mesa de Diego, os dois seguem em direção ao grupo e atiram contra Marlon. 

— Logo após os disparos, a dupla corre para a rua e embarcam no Cobalt.

— Segundo a polícia, a mulher também caminha rápido em direção ao Corolla e foge do local do crime.


 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.