Investigação

Homem suspeito de homicídio na capital é preso em Santiago

Operação em conjunto da Polícia Civil de Santiago e da Delegacia de Homicídios de Porto Alegre foi realiza nesta quarta-feira 

Por: Naiôn Curcino
19/10/2016 - 18h20min
Homem suspeito de homicídio na capital é preso em Santiago Polícia Civil/Divulgação
Ilho, de azul, foi preso preventivamente por homicídio. Luiz André, de vermelho, foi preso em flagrante por posse ilegal de arma Foto: Polícia Civil / Divulgação

Policiais da Polícia Civil de Santiago e da 1ª Delegacia de Homicídios de Porto Alegre cumpriram três mandados de busca e apreensão e dois de prisão preventiva. Ilho dos Santos Severo, 23 anos, foi preso pela suspeita de ser o autor da morte de Eugênio Brasil de Lima Matos, 60 anos, em 12 de setembro, em Porto Alegre. Já Luis André Lopes de Freitas, 18 anos, foi preso após ser reconhecido por um taxista que foi assaltado no dia 8 deste mês em Santiago. Uma jovem de 19 anos também chegou a ser levada à delegacia, mas foi liberada. Todos foram presos no bairro Ana Bonato.

Quadrilha especializada em furtos de agrotóxicos é presa em Cacequi

Agentes da 1ª DP participaram da ação porque a investigação do assassinato de Matos, no bairro Cascata, em 12 de setembro deste ano, foi comandada por lá. Matos, que também era natural de Santiago e tinha familiares na cidade, assim como Severo, foi morto a facadas. Conforme o delegado da 1ª DP, Rodrigo Reis, ainda não se sabe a motivação do crime. A hipótese de latrocínio não está descartada.

BM propõe força-tarefa com outros órgãos para terminar com bailes funk ilegais em Santa Maria

– Conseguimos comprovar que o Severo foi o autor do delito. Ele tem familiares em Porto Alegre e em Santiago e, depois do crime, deixou a Capital rumo ao Interior. Ele negou ter praticado o crime, por isso, ainda não sabemos a motivação e se foi para roubar – explica.

Suspeito de matar homem com cinco tiros em Caçapava do Sul é preso

Com Severo, foi apreendida uma quantidade de maconha, munição e uma pulseira do taxista assaltado em Santiago no dia 8 deste mês. A jovem, que foi reconhecida pelo taxista, estava na mesma casa. A investigação da Polícia Civil da cidade identificou ligação entre Severo e o assalto. No entanto, ainda não se sabe se ele foi o mandante ou se foi um receptador.

Traficante é preso com 18 pés de maconha e 1 kg da droga em Santa Maria

Com Freitas, foram encontrados dois revólveres, calibres 22 e 38, ambos com a numeração ilegível, além de maconha e munição. O taxista também reconheceu o jovem e a arma que foi usada no dia em que foi assaltado.

Dois são presos por tráfico de drogas na região norte de Santa Maria

Severo e Freitas foram levados ao Presídio Estadual de Santiago. O primeiro deve ser encaminhado para alguma casa prisional de Porto Alegre ou da Região Metropolitana.

 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.