Obituário

Morre um dos ex-sócios de antiga fábrica de refrigerantes em Santa Maria 

Beto estava jogando futebol, quando passou mal e foi socorrido, mas acabou não resistindo 

Por: Zero Hora
18/10/2016 - 00h32min | Atualizada em 18/10/2016 - 00h32min
Morre um dos ex-sócios de antiga fábrica de refrigerantes em Santa Maria  Arquivo Pessoal/Arquivo Pessoal
Foto: Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal

Foi praticando um dos seus passatempos preferidos que o empresário Antônio Gilberto Correa acabou morrendo, aos 63 anos, na noite de segunda-feira, em Santa Maria. Segundo familiares, ele estava jogando futebol com amigos, quando passou mal. Foi socorrido, mas acabou morrendo, de enfarte. Mais conhecido como Beto da Cyrilla, ele fez a carreira toda na antiga e famosa fábrica de refrigerantes de Santa Maria, na qual começo como empregado e terminou como sócio.

Leia mais:
Menino morre após partida de jogo online e colegas percebem pela webcam
Filha de Tyson Gay morre em tiroteio nos Estados Unidos
Morre Cristiane Garcez, esposa do prefeito de Lages

Filho de um ferroviário e nascido no tradicional bairro do Itararé, Beto tinha mais cinco irmãos. Ainda jovem, começou a trabalhar na empresa que distribuía as bebidas da Cyrilla, no Itararé. Nos anos 1970, aceitou a proposta de virar sócio da empresa, a qual administrou até o início dos anos 2000, quando ela fechou. 

Beto morreu antes de ver um sonho ser realizado, o da reabertura da fábrica, que foi assumida por um grupo de empresários locais - o prédio já está sendo reconstruído para tentar retomar a fabricação possivelmente em 2017. Casado, Beto tinha dois filhos. 

O velório deve começar no início da madrugada desta terça nas capelas do Hospital de Caridade de Santa Maria, e o enterro está marcado para as 17h no Cemitério Ecumênico Municipal.


 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.