"Operação imediata"

Secretário de Segurança anuncia força-tarefa permanente na Estação Férrea de Caxias do Sul

Iniciativa é uma resposta ao homicídio na madrugada de sábado

Por: Leonardo Lopes
09/01/2017 - 19h06min | Atualizada em 09/01/2017 - 19h06min
Secretário de Segurança anuncia força-tarefa permanente na Estação Férrea de Caxias do Sul Petter Campagna Kunrath/divulgação
Encontro dos órgãos de segurança pública ocorreu no gabinete do vice-prefeito, Ricardo Fabris Foto: Petter Campagna Kunrath / divulgação  

Pela primeira vez a Estação Férrea de Caxias do Sul terá vigilância permanente durante a noite nos finais de semana. Este foi o anúncio feito pelo secretário municipal de Segurança Pública e Proteção Social, José Francisco Mallmann, após reunião com diversos órgãos de fiscalização na tarde desta segunda-feira. O encontro foi uma resposta ao homicídio de Guilherme Yuri Padilha, 19 anos, na madrugada de sábado.

Leia mais
Jovem morto na Estação Férrea teria se envolvido em briga em Caxias
Empresários montam esquema de segurança para coibir violência na Estação Férrea, em Caxias

A força-tarefa será liderada pela Brigada Militar (BM), Guarda Municipal e Secretaria Municipal de Trânsito, mas contará com apoio de outros órgãos. A operação será imediata, começa nesta sexta, porém os detalhes serão definidos ao longo da semana. O secretário Mallmann garante que a falta de efetivo que atinge os órgãos de segurança não atrapalhará a mobilização.

— Não vamos tolerar mais mortes como a de sábado. Vamos fazer nossa parte. Cada órgão irá disponibilizar o efetivo que tem. Mas, trabalhando com quatro ou cinco órgãos, teremos um efetivo significativo para fazer frente — afirma.

O comandante interino do 12º Batalhão de Polícia Militar (12º BPM), major Emerson Ubirajara, confirma o interesse da BM na força-tarefa, contudo pondera a demanda de ocorrências na cidade: mais de 2 mil por mês.

— Claro que o policiamento constante resolveria este problema, só que o grande problema é o fôlego para fazer isso. Sabemos da crise do Estado, com a redução de efetivo e de horas-extras que nos deixam atados. Caxias possui outros pontos de aglomeração de jovens que demandam a atenção da Brigada — pondera.

Outras ações são planejadas para a Estação Férrea, como mudanças no estacionamento, fiscalização da circulação de bebidas alcoólicas e o remanejo de câmeras de monitoramento. A Secretaria de Segurança e o vice-prefeito Ricardo Fabris solicitaram estudos aos órgãos responsáveis.

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.