Infraestrutura

Operação na ponte Hercílio Luz é concluída em Florianópolis

Trabalho foi terminado por volta das 3h30min deste domingo

12/02/2017 - 05h27min | Atualizada em 12/02/2017 - 06h35min
Operação na ponte Hercílio Luz é concluída em Florianópolis florianópolis,ponte,hercílio luz,obra,governador/Agencia RBS
Foto: florianópolis,ponte,hercílio luz,obra,governador / Agencia RBS  

O trabalho de transferência de 20% da carga do vão central da ponte Hercílio Luz foi concluído na madrugada deste domingo. Antes previsto para ser finalizado às 7h, o serviço terminou adiantado por volta de 3h30min. Ele foi dividido em duas etapas, sendo que a primeira acabou à 0h44min.

Operários colocaram 26 macacos em 50 pontos diferentes para elevar a estrutura do vão central em 10 centímetros. O serviço foi classificado pelos engenheiros como  um sucesso. As equipes de socorro dos bombeiros, Defesa Civil e Polícia Militar não precisaram agir. Ao todo, 200 pessoas trabalham na operação.

— Mais um degrau foi vencido. Agora temos outros 21 passos da obra para subir. Os desafios são grandes, mas essa etapa foi um sucesso — afirmou o engenheiro do Deinfra responsável pela obra, Wenceslau Diotalévvy.

Foto: Leo Munhoz / Agência RBS

De acordo com o engenheiro, dois problemas preocuparam os técnicos durante o serviço. O primeiro foi a chuva, que adiou em uma hora o começo dos trabalhos. O segundom o vento, que no começo da madrugada chegou a 40 km/h na região da ponte. Mesmo assim, com a redução da intensidade, foi possível começar a operação.

O trânsito ficou fechado na Beira-Mar Norte e na Beira-Mar Continental durante todo o tempo do serviço e foi liberado às 3h48min pelo comandante do 4º Batalhão da PM em Florianópolis, tenente-coronel Marcelo Pontes.

Próxima etapa da transferência será entre julho e agosto

A segunda etapa da transferência de carga, para levantar a ponte em mais 40 centímetros, será entre os meses de julho e agosto. Até lá, os operários vão instalar torres em cada ligação das barras de olhal. Esses apoios serão necessários para sustentar as peças aéreas durante a próxima parte da transferência do vão central.

Diferente da operação deste final semana, a que ocorrerá no meio do ano é considerada mais crítica, por isso será feita em 15 dias. Depois que a ponte estiver totalmente levantada, começa a troca das barras de olhal. A previsão otimista do Estado é entregar a obra no primeiro trimestre de 2018 para veículos, pedestres e ciclistas. Mas as bases provisórias de sustentação e as gruas devem ser retiradas somente em outubro de 2018.

Leia também:
Técnicos concluem primeira parte da elevação da Ponte Hercílio Luz
Saiba como será a operação na Ponte Hercílio Luz neste fim de semana
Aditivo encarece em R$ 11,2 milhões a reforma da ponte Hercílio Luz
Edital prevê ponte Hercílio Luz exclusiva para BRT
Investigação aponta gasto de R$ 563 milhões na reforma da ponte Hercílio Luz
MPTC já investigava desperdício na ponte

 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.