O que você precisa saber

Prazo para inscrições do Enem 2017 termina hoje: veja 7 coisas para começar o dia bem informado

ZH indica os assuntos mais importantes desta sexta-feira        

Por: Zero Hora
19/05/2017 - 07h23min | Atualizada em 19/05/2017 - 07h23min

1. Apesar de negativa de Temer, cresce a pressão por renúncia

No momento mais dramático de seus 371 dias de governo, Michel Temer enfatizou em pronunciamento que não deixará o Palácio do Planalto. Com o presidente gravado pelo empresário Joesley Batista em uma conversa para avalizar a compra do silêncio do deputado cassado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), sete pedidos de impeachment protocolados na Câmara, as reformas congeladas e o senador Aécio Neves (PSDB-MG) afastado do mandato, o país aguarda o desfecho da nova etapa da crise política, enquanto o Congresso já discute eleições diretas ou indiretas e possíveis substitutos de Temer, mesmo que, por ora, ele assegure que não capitulará. Pressionado por legendas aliadas a renunciar, Temer foi convencido do contrário pelos ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Secretaria-Geral). Os dois garantiram que o governo tem condições de suportar o turbilhão provocado pelo conteúdo da delação, que teve o sigilo retirado por Fachin.

2. Dono da JBS diz a Temer que está "segurando" dois juízes

Em um dos trechos da gravação entregue à Justiça por Joesley Batista, o dono da JBS afirma ao presidente da República, Michel Temer, que está "segurando" dois juízes em processos em que está sendo investigado e fala sobre a existência de um "procurador dentro da força-tarefa" que lhe repassaria informações privilegiadas. Porém, não fica claro, pelo teor da gravação, a que investigações o empresário se refere.

3. O dia em que Aécio Neves perdeu a cadeira no Senado e no partido

Líder da oposição que quase derrubou a sequência de quatro vitórias consecutivas do PT em 2014, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) se transformou em um político fantasma a partir da divulgação de trechos da delação dos donos do grupo JBS. Após ser exposto em diálogos comprometedores, que envolvem o repasse de R$ 2 milhões, ele teve seu o afastamento do mandato parlamentar determinado pelo ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), a pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR). A força da conversa gravada por Joesley Batista e as imagens da entrega do dinheiro acabaram gerando reação no PSDB. Tucanos de várias partes do país pediram a saída do senador da presidência do partido, o que acabou ocorrendo ao final do dia. O senador Tasso Jereissati (CE) assumiu o comando da legenda.

4. Enem 2017 chega a 5,2 milhões de inscritos; prazo termina hoje

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) recebeu 5.210.305 inscrições a um dia do fim do prazo, que vai até as 23h59min desta sexta-feira (19). O último balanço foi divulgado às 11h de quinta (18) pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep). Este ano as provas serão aplicadas em dois domingos seguidos, dias 5 e 12 de novembro. O número de inscrições até agora é bem inferior ao registrado na edição do ano passado, que fechou em 9.276.328 participantes. As inscrições podem ser feitas pelo site do Enem. A taxa de R$ 82 para quem não é isento pode ser paga até o dia 24 de maio. Estão isentos estudantes que concluirão o Ensino Médio em escolas públicas este ano, candidatos de baixa renda que integram o Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico) e os que se enquadram na Lei 12.799/2013, que isenta de pagamento aqueles com renda igual ou inferior a um salário mínimo e meio.

5. Zago faz ajustes na equipe para jogo no Beira-Rio

O Inter treina nesta sexta (19) às 15h30min. Será a oportunidade para Zago fazer ajustes no time, que neste sábado (20) fará seu primeiro jogo no Beira-Rio pela Série B. Contra o ABC, não está descartado que o Colorado jogue com três atacantes no decorrer do duelo

6. Grêmio viaja para Curitiba

O Grêmio trabalha às 15h e parte às 19h36min para Curitiba, onde no domingo (21) enfrenta o Atlético-PR. Edílson, Bolaños e Maicon, que se recuperam de lesão, ainda não estarão disponíveis para a partida do Brasileirão.

7. Risco de temporal no Rio Grande do Sul nesta sexta-feira

Nesta sexta-feira (19), um sistema de baixa pressão atmosférica associado a umidade que vem da Amazônia pode provocar temporais em todo o Rio Grande do Sul. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) alerta para a possibilidade de granizo, queda de galhos de árvores e alagamentos em diversos pontos do Estado. Segundo o Inmet, a chuva pode variar de 50mm a 100 mm e o vento pode chegar a 90 km/h em algumas regiões. Em Porto Alegre, as precipitações podem chegar a 17mm com rajadas de vento de até 30 km/h. A temperatura deve variar de 15°C a 22°C. 

Veja a previsão do tempo para a sua cidade

*ZERO HORA

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.