Zona Sul

Condenada adolescente envolvida no homicídio de empresário em supermercado da Capital

Juíza determinou a internação, sem a possibilidade de atividades externas, por três anos com reavaliações a serem feitas a cada seis meses

11/01/2017 - 12h23min | Atualizada em 11/01/2017 - 12h23min
Condenada adolescente envolvida no homicídio de empresário em supermercado da Capital Reprodução/Facebook
Foto: Reprodução / Facebook  

A adolescente de 16 anos denunciada pelo Ministério Público por envolvimento no assassinato de Marcelo Oliveira Dias, 44 anos, morto no estacionamento do supermercado Zaffari da Avenida da Cavalhada, na zona sul de Porto Alegre, no mês de outubro, foi condenada pela 4ª Vara da Infância e da Juventude da Capital. Na decisão, foi determinada a internação por três anos, sem a possibilidade de atividades externas, com reavaliações a serem feitas a cada seis meses. Uma audiência está marcada para terça-feira, quando será detalhado como ela cumprirá a medida. 

Leia mais
Polícia investiga motivação do assassinato de empresário em Porto Alegre
Empresário assassinado na frente da filha foi confundido com traficante
Filha de empresário assassinado em Porto Alegre recebe alta do hospital

A magistrada Cleciana Guarda Lara Pech, que proferiu a sentença, entendeu que "o conjunto probatório autorizou concluir que a adolescente tinha ciência de que a facção criminosa a que pertence havia recebido ordens para matar" um traficante pertencente à organização rival. Para Cleciana, "está claro que a representada acompanhou o grupo até o estacionamento do supermercado", local onde haviam combinado de encontrar o traficante alvo da emboscada. Disse também que foi a adolescente quem abordou a vítima e, acreditando ser o desafeto, sinalizou aos demais integrantes do grupo, que dispararam.

Ainda em outubro, a Polícia Civil comunicou que prendeu dois suspeitos de terem assassinado o empresário. O veículo usado pelos criminosos foi apreendido horas depois do assassinato. Policiais militares viram o Fiesta branco na Estrada Retiro da Ponta Grossa, na zona sul da Capital. Ao perceber que estava sendo seguido, o motorista do veículo fugiu e abandonou o automóvel na Avenida Juca Batista, próximo à entrada do bairro Belém Novo.

Morto na frente da filha de quatro anos de idade

No início da noite de 20 de outubro de 2016 um grupo de criminosos assassinou o empresário no estacionamento do Zaffari Cavalhada. Dentro do Peugeot branco estava também a filha de Dias, de quatro anos, que, mesmo baleada no pescoço, se abraçou ao pai até ser socorrida. A criança foi levada pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ao Hospital de Pronto Socorro (HPS) da Capital. Ela recebeu alta no dia seguinte.

 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.