Segurança

Presos abrem buraco em parede do Instituto Penal Pio Buck, em Porto Alegre, três dias após transferências

Detentos tentavam criar passagem na estrutura do prédio, mas ação foi descoberta e controlada pela BM, responsável pela guarda do local que recebeu ocupantes do ônibus Trovão Azul, desativado na segunda-feira

16/06/2017 - 00h07min | Atualizada em 16/06/2017 - 00h07min
Presos abrem buraco em parede do Instituto Penal Pio Buck, em Porto Alegre, três dias após transferências Divulgação/Divulgação
Foto: Divulgação / Divulgação  

Três dias após a Secretaria Estadual de Segurança Pública (SSP) desativar o ônibus-cela Trovão Azul e encaminhar os presos provisórios para uma área do Instituto Penal Pio Buck, em Porto Alegre, alguns detentos tentaram abrir um buraco em uma das paredes do prédio na noite desta quinta-feira (15). Nenhum criminoso conseguiu fugir da casa prisional, segundo a Brigada Militar (BM).

Leia mais:
Piratini grava comercial com policiais a poucos metros de mercado arrombado
Adolescente cumprirá medida de internação por morte de juiz
Bandidos arrombam caixas eletrônicos em supermercado na zona sul

Conforme o comandante do Batalhão de Operações Especiais (BOE), major Cláudio Feoli — responsável pela vigilância da unidade —, os brigadianos que trabalham na guarda do local perceberam a ação rapidamente após suspeitarem da movimentação dos presos. A investida dos criminosos aconteceu por volta das 20h30min desta quinta-feira.

— Os policiais ouviram um ruído diferente e interviram. Eles (presos) tentaram dissimular a ação com bateção para abafar o som, mas conseguimos descobrir a tempo de impedir.

O major Mário Augusto, do BOE, afirmou que os presos arrancaram pedaços das estruturas das camas e de uma janela basculante para usar como ferramentas na tentativa de perfurar a parede, o que daria passagem para uma área nos fundos do Presídio Central. Mário Augusto afirmou que o buraco está sendo tapado e a situação está controlada.

Conforme o major, cerca de 45 detentos estão acomodados no Pio Buck, aguardando vagas no sistema prisional. Segundo a SSP, o espaço foi readequado para receber a demanda de presos temporários, após um mutirão realizado pela Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe).

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.