Ocupa Brasília

Renan Calheiros fura com centrais e não comparece em ato contra governo

O líder do PMDB no Senado também não está na reunião do partido convocada por Temer para esta manhã

Por: Estadão Conteúdo
24/05/2017 - 12h18min | Atualizada em 24/05/2017 - 12h24min
Renan Calheiros fura com centrais e não comparece em ato contra governo Jefferson Rudy/Agência Senado
Renan Calheiros (PMDB) já se manifestou a favor da saíde de Temer  Foto: Jefferson Rudy / Agência Senado  

O líder do PMDB no Senado, Renan Calheiros (AL), "deu o bolo" nas lideranças sindicais e não discursou no ato Ocupa Brasília, nesta quarta-feira (24), contra as reformas estruturais do governo Michel Temer. Mais de meia hora após o horário previsto para o pronunciamento, que seria às 10h, o presidente da Força Sindical, deputado Paulo Pereira da Silva, Paulinho da Força, ainda tentava contato com Renan por telefone. 

— Ontem ele disse que viria, ainda deve estar dormindo — brincou.

A participação do alagoano foi acertada durante reunião com as centrais sindicais na terça-feira (23), no gabinete da liderança do PMDB. Pessoas próximas ao senador, entretanto, estranharam a sua decisão por considerar que isto não é do seu perfil e que ele poderia ser mal recebido pelos manifestantes.

Leia mais:
Centrais sindicais prometem reunir 100 mil em protesto contra Temer
Sindicalistas defendem em Brasília saída de Temer e eleições diretas em 2017
Renan defende saída negociada: "Temer vai entender seu papel na história e facilitar uma solução"

O compromisso ainda consta na agenda oficial do parlamentar, e a assessoria de imprensa de Renan não atendeu à reportagem para confirmar se houver alguma mudança.

Paulinho também disse que contava com a participação de aliados de Renan, como os senadores Kátia Abreu (PMDB-TO) e Eduardo Braga (PMDB-AM), e do presidente da CPI da Previdência, Paulo Paim (PT-RS). Nenhum dos três havia chegado até a publicação desta matéria.

Os organizadores do ato anunciaram em diversos momentos que seria feito um "ato político" com parlamentares da Câmara e do Senado. Após esperarem por quase uma hora, as falas estavam sendo conduzidas por Paulinho e pelo deputado Bebeto (PSB-BA).

Temer faz reunião sem Renan

O presidente Michel Temer estava reunido por volta das 11h30min desta quarta-feira com senadores do PMDB no Palácio do Planalto. De acordo com a assessoria de imprensa da Presidência, até o momento, estão com Temer 17 dos 22 senadores da bancada peemedebista. O líder do PMDB no Senado, Renan Calheiros, não está no encontro. 

O encontro, segundo fontes do Planalto, foi articulado pelo líder do governo no Senado, Romero Jucá. Estão presentes também os ministros chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha,da Secretaria de Governo, Antonio Imbassahy.

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.