Política

Dificilmente PSDB continuará no governo após votação de denúncia, diz secretário-geral do partido

Deputado Silvio Torres explicou que situação atual "obrigou" legenda a fazer nova reflexão sobre apoio a Temer

Por: Estadão Conteúdo
24/07/2017 - 18h40min | Atualizada em 24/07/2017 - 21h04min

Depois da votação da denúncia contra o presidente Michel Temer no plenário da Câmara, dificilmente o PSDB continuará no governo. A previsão foi feita pelo secretário-geral do partido, o deputado federal Silvio Torres (SP), em entrevista à TV Estadão, nesta segunda-feira (24). O parlamentar disse, entretanto, que ainda não foi definida a posição oficial do partido.

O parlamentar explicou que "a situação nos últimos 60 dias", período em que vieram à tona a delação da JBS e as gravações realizadas pelo empresário Joesley Batista, "obrigou (o partido) a fazer nova reflexão" sobre o apoio ao governo. 

— Não precisamos de cargo no governo Temer para apoiar o programa de governo — defendeu o secretário-geral do PSDB.

Leia mais:
STF envia à PGR pedido da defesa de Temer para acesso a áudios
Conheça Mariangeles Maia, a mãe de Rodrigo Maia que cobrou lealdade do filho a Michel Temer
Após áudio de conversa com Temer, Joesley diz que teve "coragem" para "romper com elos de corrupção"

Neste cenário, disse, a decisão sobre o encaminhamento da denúncia deve ser encarada pelos deputados como forma de garantir à sociedade brasileira "o direito de saber se o presidente está envolvido em corrupção gravíssima", o que, segundo Torres, daria um protagonismo mais autêntico ao Congresso Nacional.

Torres se mostrou favorável ao encaminhamento da denúncia da Procuradoria-Geral da República (PGR) ao Supremo Tribunal Federal (STF), que será votado na próxima quarta-feira (2).

— O relator foi muito preciso na avaliação de que, em caso de dúvida sobre admissibilidade da ação, a decisão tem de ser pró-sociedade — comentou.

Mas, de acordo com o deputado, ainda não houve uma reunião do partido para tratar especificamente da posição na votação da denúncia no plenário. 

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.