Seis horas de impasse

FOTOS: reforma trabalhista é aprovada no Senado após protesto e lanche no escuro

Sessão foi interrompida por mais de seis horas e presidente do Senado ordenou que as luzes do plenário fossem apagadas

Por: Zero Hora
11/07/2017 - 20h49min | Atualizada em 11/07/2017 - 21h52min

Nesta terça-feira (11), o Senado retomou a discussão da reforma trabalhista. A sessão foi interrompida por mais de seis horas, após senadoras da oposição se recusarem a deixar a mesa diretora sem que fossem feitas alterações no projeto. 

Foto: Antônio Cruz / Agência Brasil

Diante do impasse, o presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE) ordenou que as luzes do plenário fossem apagadas.

Foto: ANDRÉ DUSEK / ESTADÃO CONTEÚDO

Do lado de fora do Senado, manifestantes realizaram ato contra o projeto.

Foto: Antônio Cruz / Agência Brasil

Durante o impasse, senadoras ficaram no escuro e fizeram refeição na mesa diretora do Senado.

Foto: Antônio Cruz / Agência Brasil
Foto: Lula Marques / AGPT
Foto: ANDRÉ DUSEK / ESTADÃO CONTEÚDO

Por volta das 18h, as luzes voltaram a ser acesas, e o segundo vice-presidente do Senado, João Alberto Souza (PMDB-MA), tentou negociar a saída das senadoras.

Foto: ANDRÉ DUSEK / ESTADÃO CONTEÚDO

Com a retomada da sessão, os senadores votaram a reforma trabalhista no início da noite. Com 50 votos a favor, o texto principal acabou aprovado pela Casa. Depois, os parlamentares mantiveram as discussões de eventuais emendas à proposta. 

Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil

Leia mais:
Senado aprova texto-base da reforma trabalhista
Confira como cada senador votou na reforma trabalhista
Reforma trabalhista: o que muda com a aprovação do projeto no Senado 

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.