Fiscalização ampliada

2ª data com mais mortes no trânsito, Dia dos Pais terá reforço

Final de semana do Dia dos Pais tem média de 7,8 mortes por dia nos últimos cinco anos, perdendo apenas para o do Dia das Mães

06/08/2014 | 16h50
2ª data com mais mortes no trânsito, Dia dos Pais terá reforço Eduardo Seidl/Palácio Piratini/Divulgação
Órgãos vão reforçar equipes, testes de bafômetro e fiscalização de veículos e documentos Foto: Eduardo Seidl / Palácio Piratini/Divulgação

Na expectativa de reverter as estatísticas, que apontam o Dia dos Pais como a segunda data comemorativa com mais mortes no trânsito, a fiscalização nas estradas gaúchas vai ser reforçada no próximo final de semana. A Viagem Segura de Dia dos Pais vai começar à 0h01min de sexta-feira e vai até a meia-noite de domingo.

Com isso, órgãos de transito como o Comando Rodoviário da Brigada Militar (CRBM) e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) reforçarão as fiscalizações em veículos e documentos, os testes de bafômetro e o monitoramento de excesso de velocidade.

Entre as recomendações para evitar acidentes, além da prudência e do respeito às sinalizações, é que os motoristas mantenham os faróis ligados nas rodovias, aumentando a própria visibilidade e, principalmente, porque o veículo torna-se mais visível para os outros condutores.

De 2007 a 2013, o final de semana do Dia dos Pais registrou média de 7,8 mortes por dia (sexta a domingo). O índice faz da data a segunda mais violenta entre os feriados e datas comemorativas, ficando atrás somente do final de semana do Dia das Mães, que registrou 9,2 mortes por dia no período.

No Dia dos Pais do ano passado, foram sete mortes no local do acidente e 18 se considerados os 30 dias pós-acidente. Os dados estatísticos ainda demonstram que o turno da noite concentrou a maior parte das ocorrências e que 70% dos acidentes com vítimas fatais ocorreram nas rodovias.


Sobre a Viagem Segura

A Operação Viagem Segura tem como principais parceiros a Brigada Militar e o Comando Rodoviário da Brigada Militar (CRBM), Polícia Rodoviária Federal (PRF), Detran/RS, Polícia Civil e Comitê Estadual de Mobilização pela Segurança no Trânsito. Também colaboram órgãos de trânsito municipais (EPTC na Capital), Cetran/RS e Famurs.

As 30 edições da Viagem Segura contabilizam mais de 2,8 milhões de veículos fiscalizados e 63,6 mil testes de etilômetro. Foram registradas 415 mil infrações, sendo 8,8 mil autuações por embriaguez. A fiscalização também recolheu 39 mil veículos e 11,4 mil CNHs.

VEJA TAMBÉM

     
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.