Loja no centro

Um presente antecipado para revitalizar o centro de Porto Alegre

A rede Lebes vai restaurar o prédio da antiga Guaspari, que terá três andares de loja e atrações gastronômicas, com previsão de abrir até julho

16/03/2017 - 19h10min | Atualizada em 16/03/2017 - 21h51min
Um presente antecipado para revitalizar o centro de Porto Alegre Reprodução/Divulgação
Foto: Reprodução / Divulgação  

O aniversário é só na próxima semana, mas Porto Alegre já ganhou um belo presente: a direção das lojas Lebes, comandada por Otelmo Drebes (último à direita da foto abaixo) comunicou ao prefeito Nelson Marchezan que investirá R$ 8 milhões para restaurar o prédio da antiga Guaspari — na Avenida Borges de Medeiros, junto ao Largo Glênio Peres —, listado como patrimônio histórico. A intenção é ter a megaloja pronta até o final de julho. 

Foto: Cesar Lopes / Divulgação,prefeitura

Segundo Drebes, o projeto tem como objetivo atender aos pedidos dos clientes de estar no coração da Capital, dar mais visibilidade à marca, que já tem uma dezenas de pontos em Porto Alegre mas ainda considera baixa a percepção sobre seu alcance, e ainda contribuir com a revitalização do Centro Histórico. 

Leia mais
Azaleia Vulcabras vai investir e contratar para ampliar produção
Gramado vai analisar "com carinho" projeto do Hard Rock, diz prefeito
Hard Rock avalia Gramado para projeto de R$ 150 milhões

Além de ocupar três andares com suas atividades, resgatando um endereço tradicional do comércio da cidade, a Lebes vai chamar parceiros para transformar a área em um mall no Centro: o quarto piso está destinado a um restaurante que servirá até mil refeições no almoço, e a cobertura, com vista para um dos cartões postais, a prefeitura antiga, terá um café com terraço, como em toda cidade de autoestima elevada.

A rede de varejo com origem em São Jerônimo negocia há quase um ano com investidores que adquiriram o imóvel. Vai alugar o espaço por 15 anos. Principal imagem da janela da sala do prefeito, hoje o prédio é um retrato do Centro: deteriorado, cercado de sem-teto e sujo.

– Esperamos que sirva de estímulo a outros empresários para que também colaborem nessa revitalização – disse Drebes à coluna. 

O projeto está contratado com Evandro Eifler, arquiteto da Livraria do Globo. Entre os aspectos que já estão definidos, estão partes da fachada cobertas de vegetação, combinando com a cor do logotipo da empresa (confira imagem principal). A operação da Lebes vai representar 60 empregos diretos e outros 300 indiretos. Sobre a visita ao prefeito, Debres afirmou:

– Não fomos pedir nada, fomos contar o que estamos fazendo, que é importante para a cidade. Vamos organizar, limpar e iluminar aquela áreas, contribuindo para a segurança.

Leia outras informações da coluna de Marta Sfredo

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.