Segurança pública

Nova Lei dos Desmanches deve inibir furto e roubo de carros 

Sartori sanciona nesta segunda-feira a lei que autoriza esmagar peças em que o comerciante não consiga comprovar a origem legal 

06/12/2015 - 19h29min | Atualizada em 06/12/2015 - 21h52min

Para combater dois dos crimes que mais cresceram nos últimos anos, o secretário da Segurança Pública, Wantuir Jacini, aposta na nova lei dos Desmanches, que será sancionada nesta segunda-feira, às 15h, pelo governador José Ivo Sartori, no Salão Alberto Pasqualini. O Palácio Piratini quer dar solenidade à sanção, para que antes mesmo de começar a destruir peças de origem não identificada, os donos de desmanches sintam-se desestimulados de fazer negócios com ladrões de carros.

 Governo quer combater desmanches clandestinos com trituração de peças

 Elaborado pelo Departamento de Comando e Controle Integrado da Secretaria da Segurança Pública, em parceria com a Secretaria de Modernização Administrativa e Recursos Humanos e Procuradoria Geral do Estado, o projeto teve como relatora a deputada Stela Farias (PT) e foi aprovado por unanimidade em 10 de novembro.

Autopeças sem procedência serão destruídas como sucata

O projeto regulamenta a lei federal dos desmanches, com mecanismos que o governo considera eficientes de fiscalização e inibição de ilícitos. A lei autoriza, por exemplo, o esmagamento das peças em que o comerciante não conseguir provar a origem lícita. Hoje, existem, 1,7 mil desmanches ilegais no Rio Grande do Sul. Apenas em uma avenida de Porto Alegre, são 37.

 — Com a aprovação da lei, atacaremos direto uma das principais demandas do roubo de veículo, que é a receptação — afirma Jacini. 

De acordo com dados do Departamento de Gestão Estratégia Operacional da Secretaria da Segurança, 60% dos carros roubados ou furtados no Rio Grande do Sul são recuperados. Em média, de cada 10 automóveis roubados, cinco são encontrados. 

Comércio de peças usadas por ferro-velho terá maior controle


 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.