Porto Alegre

Taxistas e motoristas do Uber são indiciados por briga no aeroporto Salgado Filho

Como as agressões foram mútuas, delegado diz que não é possível culpar um único lado pela pancadaria entre os condutores na área de embarque

05/08/2016 - 12h10min

A Polícia Civil indiciou três taxistas e três motoristas do Uber pela pancadaria que ocorreu no aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre, em 13 de julho. Segundo o delegado Cléber Ferreira, as agressões ocorreram de ambos os lados e não é possível culpar apenas uma grupo. As informações são da Rádio Gaúcha.  

– Nos preocupa muito. A qualquer momento vidas poderão ser ceifadas por causa dessas brigas – ressaltou o delegado Cléber Ferreira. 

Leia mais:
"Os taxistas começaram a nos xingar", diz motorista do Uber ferido

"Uma tragédia é iminente", diz Cappellari sobre conflitos entre táxi e Uber
Projeto de regulamentação do Uber poderá ser votado em agosto

O inquérito foi remetido à Justiça. Uma cópia também foi encaminhada para Empresa Pública de Transportes e Circulação. A EPTC é responsável pela fiscalização dos taxistas e também do Uber, que é considerado clandestino pela prefeitura, mas tem autorização da Justiça para funcionar na Capital. Assim que receber o inquérito, a empresa deve se manifestar sobre as providências que serão tomadas. 

Motorista do aplicativo, Cristiano Telles Lemos, 27 anos, mostra corte nas costas, pouco abaixo do ombro Foto: Vagner Soares / Arquivo Pessoal

O tumulto se iniciou por volta das 7h de 13 de julho na área de embarque do aeroporto, durou poucos minutos e terminou com os seis motoristas lesionados. Um deles, que atende passageiros pelo Uber, foi encaminhado pela polícia ao hospital devido a um corte nas costas. 

Logo após o episódio, que reacendeu o debate sobre novas formas de transportes de passageiros na Capital, o diretor-presidente da EPTC, Vanderlei Cappellari, voltou a pedir agilidade à Câmara de Vereadores para que vote o projeto de lei que regulamenta estes serviços pois, segundo ele, esta "tragédia é iminente". A previsão é de que a proposta seja votada neste mês. 


 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.