Porto Alegre

Emergência do Hospital de Clínicas muda regras e fechará sempre que atingir 80 pessoas internadas

A emergência está fechada nesta quinta-feira

01/12/2016 - 16h20min | Atualizada em 01/12/2016 - 17h23min
Emergência do Hospital de Clínicas muda regras e fechará sempre que atingir 80 pessoas internadas Diego Vara/Agencia RBS
Foto: Diego Vara / Agencia RBS

O Hospital de Clínicas de Porto Alegre anunciou nesta quinta-feira que está modificando o fluxo de atendimento da emergência pelo Sistema Único de Saúde (SUS). A partir de agora, sempre que houver 80 pessoas internadas, o setor será fechado para novos pacientes. Serão recebidos apenas casos com risco iminente de morte e pacientes trazidos pelo Samu. Até então, a emergência chegava a atingir picos de mais de 150 pacientes internados em um local com 41 leitos.

Segundo a instituição, o objetivo é garantir a segurança e qualidade do atendimento, que passa a adotar um plano de contingência, fechando o setor "até que o patamar se segurança volte a ser alcançado".

Leia mais:
Com 52% das obras concluídas, ampliação do Clínicas deve ficar para 2018
Ônibus de turismo é iluminado para passeios noturnos em Porto Alegre

Além desta medida, o HCPA também está desenvolvendo outras ações para reduzir a lotação, como transferência de pacientes para leitos em unidades de internação e CTI e evitando que áreas como o ambulatório do próprio hospital encaminhem para a emergência casos que não se enquadrem no perfil de atendimento.

A emergência atende hoje 86 pessoas e por isto está fechada. De acordo com a nova sistemática, o setor será reaberto para novos pacientes assim que o número de doentes ficar abaixo de 80.

* Rádio Gaúcha

 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.