Maus-tratos

Justiça condena homem que matou cão com chute em Porto Alegre

Indenização de R$ 20 mil será destinada ao Fundo Municipal de Proteção ao Meio Ambiente

30/06/2017 - 10h03min | Atualizada em 30/06/2017 - 10h03min
Justiça condena homem que matou cão com chute em Porto Alegre Reprodução/Facebook
Foto: Reprodução / Facebook  

O homem acusado de ter matado com um chute um cão da raça Yorkshire, em Porto Alegre, foi condenado na última quinta-feira (29) a pagar indenização de R$ 20 mil por danos morais. Em abril de 2016, Jorge Gilberto Lima dos Santos chutou o cão, chamado Theo, 11 anos, e ainda ofendeu verbalmente a proprietária do animal, Isabel Luz, 48 anos. A indenização será destinada ao Fundo Municipal de Proteção ao Meio Ambiente.

Veja também:
Homem é acusado de matar cachorro de vizinha com chute durante passeio na Capital
Homem morre após tentar salvar cachorro em Porto Alegre

Em sua decisão, o juiz da 3ª Vara Cível do Foro Central de Porto Alegre, Ramiro Oliveira, menciona o laudo de necropsia do cão onde constatou as lesões sofridas com o chute.

A agressão ocorreu no dia 28 de abril do ano passado. À época, Isabel Cristina Maciel Luz, relatou que Santos chutou o cachorrinho porque o animal teria feito xixi em frente ao prédio do homem, que saiu do recinto e passou a discutir com a dona do animal. 

Durante a briga, o cachorro teria sido chutado e arremessado para o outro lado da rua. Mesmo tendo sido levado ao veterinário para uma cirurgia de emergência, Theo não resistiu aos ferimentos. Diagnosticado com uma hemorragia interna e traumatismo craniano, além de ossos quebrados e fígado e baço fraturados, ele sofreu uma parada respiratória e morreu. 


 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.