Pelas Ruas

Andamento de obra na orla de Porto Alegre revela novidades

Estrutura do que deverá ser um restaurante sobre as águas do Guaíba já tem instalados o piso e a cobertura metálica

Por: Jéssica Rebeca Weber
28/11/2016 - 21h44min | Atualizada em 28/11/2016 - 21h47min

Faltando cinco meses para o prazo de conclusão, as obras da orla da Capital revelam novidades, como uma estrutura do que deverá ser um restaurante sobre as águas do Guaíba. Foram instalados, nos últimos dois meses, o piso e a cobertura metálica do local com capacidade para 120 pessoas, que terá chão, paredes e teto em vidro, de acordo com informações da prefeitura. Com formato de um círculo, assemelhando-se a um relógio se vista de cima, a instalação recebeu o nome de Quase meia-noite e fica próximo à Usina do Gasômetro. Ainda não há definição de quem explorará o local comercialmente.

Leia mais:
Leitores compartilham fotos de uma Porto Alegre verde e florida
Conheça a via que pode se tornar a "Rua do Futebol" de Porto Alegre

A última divulgação da prefeitura sobre o andamento da obra, em setembro, informou que 60% do trabalho estava concluído na orla. Mas a Secretaria de Gestão garante que as obras entre o Gasômetro e a Rótula das Cuias, executadas pelo consórcio Orla Mais Alegre (formado pelas empresas Procon, Sadenco e SH Estruturas), estão dentro do cronograma. Elas foram iniciadas em outubro do ano passado, com prazo de 18 meses. Sem dar detalhes sobre o que ficará pronto, a pasta adianta que há previsão de liberação de trecho próximo ao Gasômetro até o final do ano, em tempo para a realização de uma comemoração natalina.

As etapas de fundações e as instalações hidrossanitárias de três bares foram concluídas, e duas passarelas metálicas para as pessoas passearem sobre o Guaíba também foram instaladas.

Os decks de madeira ainda estão ganhando forma, bem como o ancoradouro para barcos de passeio. Ainda devem ser instaladas duas quadras de vôlei e duas de futebol, duas academias ao ar livre, vestiários e playground, além de 47 postes inclinados com iluminação cênica e luminárias em LED.

O trajeto de 1,3 quilômetro contará também com arquibancadas formadas a partir do relevo natural do terreno. Concentradas nas pontas e no centro do trajeto, elas seguirão o curso do Guaíba, criando formas onduladas.

As obras na Praça Júlio Mesquita, localizada em frente ao Gasômetro, estão adiantadas. De acordo com a prefeitura, contarão com deck de madeira, academia ao ar livre, praça infantil e quadra poliesportiva.

O projeto da orla é assinado pelo escritório do arquiteto paranaense Jaime Lerner, com investimento de R$ 65 milhões, e conta com o financiamento da Corporação Andina de Fomento (CAF). 

 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.