Ensino superior

Educação física é a segunda licenciatura com mais alunos no país

O curso concentra 10,2% das matrículas na graduação em licenciaturas e só é ultrapassada pelas matrículas em pedagogia

Por: Agência Brasil
06/10/2016 - 13h19min | Atualizada em 06/10/2016 - 14h20min
Educação física é a segunda licenciatura com mais alunos no país Diego Vara/Agencia RBS
Foto: Diego Vara / Agencia RBS

A licenciatura em educação física é a segunda maior do país, segundo dados do Censo da Educação Superior 2015, divulgados nesta quinta-feira pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Anísio Teixeira (Inep). Ela concentra 10,2% das matrículas na graduação em licenciaturas e só é ultrapassada pelas matrículas em pedagogia, que correspondem a 44,3% do total de matrículas em licenciaturas. 

Em números absolutos, são 149.011 matrículas na licenciatura em educação física e 648.998 em pedagogia. A oferta de educação física nas escolas de educação básica entrou no debate nacional após a retirada da obrigatoriedade da disciplina no ensino médio pela Medida Provisória do Novo Ensino Médio. Antes da MP, a disciplina era obrigatória, por lei. Agora, com o novo texto, no ensino médio, dependerá da aprovação da obrigatoriedade na Base Nacional Comum Curricular, atualmente em discussão. Segue obrigatória no ensino fundamental. 

Leia mais
Estados podem implantar novo Ensino Médio a partir de 2017
Após divulgar versão errada de MP, MEC afirma que artes, educação física, filosofia e sociologia seguem obrigatórias no Ensino Médio

As licenciaturas em filosofia, sociologia e artes, cuja obrigatoriedade no ensino médio também dependerá da definição da Base, estão entre as 20 com mais matrículas no Brasil. Aparecem respectivamente em 12º, 14º e 18º lugares. 

Química e física 

As licenciaturas em química e física também estão entre as 20 mais procuradas. A primeira ocupa a 10ª posição e a segunda, a 11ª. Mantêm as matrículas. No total, são 35.892 matrículas em química em todo o país, o que corresponde a 2,5% do total das matrículas em licenciaturas e 25.102, em física, o equivalente a 1,7. Ambos os números de matrículas se mantêm constantes em relação a 2014. As disciplinas estão entre os maiores déficits da educação básica, principalmente no ensino médio, segundo auditoria especial do Tribunal de Contas da União (TCU), divulgada em 2014. 

Leia as últimas notícias

A situação é crítica também quando se tem professores lecionando as disciplinas. Segundo o Ministério da Educação, do total de 27.886 professores que lecionam física, 19.161 não tem licenciatura na disciplina, o que equivale a 68,7% do total. A formação de novos professores não acompanha a demanda, de 1,8 mil por ano. Seriam necessários, então, 11 anos para que todos os professores de física tivessem a formação adequada. Em química, 46,3% não têm a formação adequada.


 






 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.