Cuidado!

Empreendedorismo: veja 10 erros comuns no marketing digital

Empresas que implementam suas marcas de forma errada podem se frustrar com os resultados na web

14/07/2014 | 07h02
Empreendedorismo: veja 10 erros comuns no marketing digital Jakub Krechowicz,stock.xchng/Divulgação
Fique atento para não cometer erros bobos Foto: Jakub Krechowicz,stock.xchng / Divulgação

 

A internet é um meio poderoso para a sua empresa atrair, converter e reter clientes. O problema é que muitas companhias implementam as marcas de forma errada na web e acabam se frustrando por não conseguir os resultados prometidos.

Confira dez erros cometidos com frequência no marketing digital.

1. Não ter uma persona clara

Ter uma ideia muito clara do público-alvo e de suas características é o ponto de partida básico para a ação nas redes. Há empresas que levam isso tão a sério que chegam a criar bonecos representando os seus clientes.

2. Ter todo o conteúdo somente sobre a própria empresa

Não adianta ter blog ou newsletter se tudo o que é publicado são fotos da última festa, anúncios de contratação ou aquisição de um novo cliente. Esse tipo de conteúdo não pode passar de 10% do total.

3. Não ensinar

Esse seria o antídoto para o problema anterior. Pense sempre em ensinar ao visitante algo sobre o tema do seu negócio, algo que o ajude a resolver problemas reais.

4. Escrever “bonito”

Muitos se empolgam com o papel de autor e tentam transformar os textos em obras poéticas, com linguajar rebuscado. Conteúdos eficientes são o oposto disso: objetivos e com recomendações práticas. 

5. Ser técnico demais

O objetivo de um blog não é impressionar os experts da sua área com textos que mais parecem artigos científicos. É preciso mastigar seu conhecimento e transformá-lo em algo simples de assimilar.

6. Ser raso demais

É o caso oposto. O conteúdo é tão raso que não transmite autoridade e não agrega nada. Geralmente, é um problema quando se terceiriza a produção para outras empresas ou profissionais inexperientes.

7. Não ter consistência

Assim como uma revista ou jornal, o conteúdo de uma empresa precisa ter consistência de formato e principalmente periodicidade, que é onde as empresas normalmente mais escorregam. Também é preciso ter paciência, pois os resultados não chegam da noite para o dia.

8. Não ter conteúdo para os diferentes estágios de compra

Conteúdo educativo é fundamental, mas também é importante dar informações para potenciais clientes que estão mais avançados no funil.

9. Não escrever para o Google

Fazer conteúdo sem uma boa pesquisa de palavras-chave é dar tiro no escuro. Isso serve como um termômetro da demanda real e da competição por diferentes assuntos. Além disso, é importante usar técnicas básicas de SEO - trabalho de otimizar um site de modo que ele fique mais acessível aos sites de busca - para garantir que as páginas sejam devidamente indexadas.

10. Não promover de forma inteligente

Ter ótimo conteúdo não é garantia para que o mesmo seja visto por muitos. É preciso promovê-lo nos canais próprios da empresa (e-mail, redes sociais, etc.) e alavancá-lo através de outras pessoas e de veículos que já falam com a audiência desejada. São relacionamentos reais que garantem exposição virtual.

Confira o artigo original no site da Endeavor

Confira mais notícias de Empreendedorismo

 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.