Para ficar ligado

Cursos voltados à cultura e à criatividade movimentam agenda da Capital

Nos próximos dias, o calendário de eventos porto-alegrense promete diversos cursos de capacitação profissional para a área da cultura

06/08/2014 | 08h03
Cursos voltados à cultura e à criatividade movimentam agenda da Capital Ronaldo Bernardi/Agencia RBS
Curso do Santander e da Galeria Mamute busca qualificar agentes para a atuação em exposições Foto: Ronaldo Bernardi / Agencia RBS

Correção:  Das 8h até as 12h, este site informou equivocadamente que o curso completo do Programa de Capacitação para Espaços Culturais, do Santander e da Galeria Mamute, custava R$ 500, parceláveis em duas vezes de R$ 300. Na verdade, o valor pode ser parcelado sem acréscimo, e o valor de R$ 300 é para estudantes, que têm 40% de desconto. O texto foi corrigido.

A música diz que Porto Alegre tem um jeito legal: é onde se passeia no brique esperando o Gre-Nal e onde as gurias et cetera e tal. Mas, se a Capital tem parecido menos interessante nestes tempos de bares que fecham e abrem e voltam a fechar, não falta alento para quem quer uma cidade que hospede a cultura, seja ela boêmia ou não.


Nos próximos dias, o calendário de eventos porto-alegrense promete diversos cursos de capacitação profissional para a área da cultura, além de oficinas e palestras voltadas a ensinar as manhas de como botar a criatividade para funcionar. Na sequência, confira alguns desses eventos e cursos com inscrições abertas:


Observatório de Economia Criativa (UFRGS)
Conexões Criativas
O evento começa com a conferência de dois pensadores da arte e da economia criativa: Teixeira Coelho (curador coordenador do Masp e consultor do Observatório de Política Cultural do Instituto Itaú Cultural, em São Paulo) e Arjo Klamer (professor de economia, arte e cultura na Universidade de Rotterdam e presidente da Associação Internacional de Economia da Cultura).


Ao longo da semana, serão apresentadas iniciativas criativas de Porto Alegre, com profissionais que participam do desenvolvimento do espaço inventivo da cidade, revelando os seus fluxos criativos, o desenvolvimento do trabalho e a relação entre o processo criativo com mercado e a comunidade. Os participantes dos encontros atuam nas áreas da moda, fotografia, artes visuais e integram grupos que ocupam o espaço público de forma original. Entre os participantes estão o projeto Cidade Baixa em Alta, o coletivo Catarse e a banda Apanhador Só.


Quando: 11 de agosto (19h), 12, 13 e 14 de agosto (18h).
Onde: Sala Fahrion (Av. Paulo Gama, 110, 2º andar – Prédio da Reitoria da UFRGS, campus Centro)
Quanto: Gratuito
Inscriçõescontato


Curso Economia da Cultura, Gestão e Desenvolvimento
O tema será abordado em palestras nos turnos da manhã e da tarde, ministradas por Arjo Klamer, J. Aldo do Carmo (Erasmus University Rotterdam e ex-diretor comercial da Companhia Vale do Rio Doce) e Leandro Valiati (professor da UFRGS, membro da Associação Internacional de Economia da Cultura e da Sociedade de Estudos Sócio-Econômicos Avançados).
Quando: 11 a 15 de agosto. Espie os horários.
Onde: Auditório da Faculdade de Ciências Econômicas da UFRGS (Av. João Pessoa, 52 UFRGS - Campus Centro).
Quanto: R$ 50 (estudantes da UFRGS), R$ 100 (estudantes em geral) e R$ 200 (profissionais)


 


Programa de Capacitação para Espaços Culturais (Santander Cultural e Galeria Mamute)
Com dez módulos introdutórios no formato de oficinas e palestras, o programa é voltado para a qualificação de agentes para o exercício de atividades operacionais em exposições culturais, aperfeiçoando o atendimento ao público (etiqueta, postura e comportamento profissional). O curso, que receberá um limite de 30 pessoas por módulo, pode ser realizado integralmente ou conforme a área de interesse do participante.


Entre os conteúdos está a apresentação do que faz um produtor cultural, do mercado da cultura no Brasil e de como fazer um bom projeto para buscar captadores, discutindo o perfil dos patrocinadores culturais. Também serão mostrados exemplos de produção de grandes exposições. Aspectos técnicos não são deixados de fora: os alunos aprenderão as funções da luz em uma exposição, com a análise da iluminação adequada em uma mostra de artes visuais.


Quando: 12 de agosto a 2 de outubro. Confira os horários.
Onde: Santander Cultural (Rua Sete de Setembro, 1028) e Galeria Mamute (Rua Caldas Júnior, 375)
Quanto: R$ 80 (módulo unitário), R$ 70 (por módulo, a partir da inscrição em mais de três), R$ 500 (curso completo), R$ 300 (estudantes)
Contato: contato@galeriamamute.com.br e 51.3286.2615


 


O Processo Criativo - Módulo II, com Charles Watson (Fundação Iberê Camargo)
Charles Watson é educador e palestrante, especializado em processo criativo. Formado em Arte e Literatura pela Bath Academy, na Inglaterra, leciona na Escola de Artes Visuais do Parque Lage desde 1982. Suas conversas e entrevistas com criadores dentro e fora do Brasil deram início a uma pesquisa sobre o processo criativo que hoje abrange várias disciplinas – ciência, negócios, literatura, música, filosofia e arte –, focando nas similaridades encontradas na formulação de conceitos inovadores.


Desde a década de 1980, Watson tem sido convidado a expor suas ideias para empresas como Coca-Cola e Shell. O curso é recomendado pela University of Arts London desde 2004. Em entrevista recente a Zero Hora, Watson disse que "todo mundo tem ideias, a diferença está em quem decide concretizá-las".


Quando: 15 a 17 de agosto
Onde: Fundação Iberê Camargo (Av. Padre Cacique, 2000)
Quanto: R$ 680 (primeiro lote)
Inscrições e contato


 


Perestroika
Neste segundo semestre, a Perestroika (Rua Furriel Luís Antônio Vargas, 250) oferece cursos voltados a assuntos que vão da antropologia do consumo à literatura contemporânea. As inscrições podem ser feitas pelo número 51.3062.5568. Segue alguns dos cursos:


Empreendedorismo Criativo (o empreendedorismo visto após a revolução digital)
De 11 de agosto a 7 de outubro
R$ 3.680


.TXT (literatura contemporânea)
De 11 de agosto a 7 de outubro
R$ 1.596,00


New Ways of Thinking (novas formas de pensar, diferentes visões e processos de pensamento).
De 26 de agosto a 7 de outubro
R$ 3.920


Trindade (comunicação pós-revolução digital)
De 13 de setembro a 8 de novembro
R$ 3.395,00


Yakuza (processos e referências criativas)
De 13 de setembro a 29 de novembro
R$ 3.216,00


Liga Pontos (antropologia do consumo para quem busca dialogar com o seu consumidor)
De 8 de setembro a 3 de novembro
R$ 2.850,00


Trêsporquatro (curso profissionalizante para fotógrafos amadores)
Datas a serem definidas
R$ 996,00


 


Estaleiro Liberdade
O espaço, que se descreve como "uma escola para quem quer ser livre", promove reuniões semanais às sextas-feiras, das 13h30 às 16h30, mas a Casa Liberdade (Rua Liberdade, 553) fica sempre aberta, cabendo ao "marujo" decidir o horário em que irá frequentá-la. Diversos profissionais aproveitam o espaço para desenvolver os seus projetos. O custo mensal para participação é de R$ 850, e o grupo pode ser contatado via e-mail.


 

Visionários da Cidade (TransLAB)

Curso para pessoas criarem negócios sociais que tenham relação com a vida nas cidades. No período de dois meses, em sete encontros de seis horas cada, há o reconhecimento de habilidades e desejos para criar negócios que possam impactar positivamente a sociedade, solucionar problemas ou abrir novas oportunidades. O "percurso" tem Daniel Caminha, Aron Litvin e Luciano Braga como provocadores e instigadores do desenvolvimento.

A ideia é ir da criação de ações "artivistas" até a prototipação de potenciais negócios sociais. Os encontros servem como atividade coletiva para debate e experimentação inventiva, mas o trabalho acontece ao longo de todos os 60 dias de duração do curso.

Quando: início no dia 13 de setembro.
Onde: Rua Prof. Duplan, 146.
Quanto: entre R$ 600 e R$ 900, "o quanto você sentir que vale"
Contato: oi@translab.cc e 51.4101.1960

VEJA TAMBÉM

     
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.