Previsão do tempo

Semana começa com muita chuva no Rio Grande do Sul

Instabilidade só deve perder força a partir de quinta-feira

Por: Zero Hora
17/10/2016 - 06h55min | Atualizada em 17/10/2016 - 08h03min
Semana começa com muita chuva no Rio Grande do Sul Reprodução / Twitter/Twitter
Foram registrados pontos de alagamento em vias como a Sertório, em Porto Alegre Foto: Reprodução / Twitter / Twitter

As chuvas, que surgiam em pontos isolados do Estado desde sexta-feira, devem se intensificar nesta segunda, com possibilidade de ventos fortes e de queda de granizo. O dia já amanheceu com muitas descargas elétricas na Região Metropolitana, cenário que deve se repetir até quarta-feira na maior parte do Estado. Só a partir de quinta-feira, a instabilidade deve perder força.

— Em setembro, choveu menos que o normal. As frentes frias passavam muito rapidamente pelo Estado e não organizavam chuvas. Agora, elas estão ficando mais tempo paradas sobre o Estado e atraem umidade da Amazônia no Rio Grande do Sul — explica Celso Oliveira, meteorologista da Somar.

Leia mais:
Rio Grande do Sul registra chuva forte, granizo e ventania neste domingo 

Quando a hora a menos na virada para o horário de verão faz diferença

O acumulado de chuva esperado é elevado em todo o Estado, principalmente na metade sul — entre a Região Central e a Fronteira Oeste, o risco de transtornos é maior. Mesmo com a chuva intensa, o calor e a sensação de abafamento não dão trégua no Rio Grande do Sul — em Caxias do Sul, na Serra, os termômetros devem marcar até 26ºC nesta segunda-feira.

— Como a chuva está parada sobre o Rio Grande do Sul, significa que o ar frio, que entrava no Rio Grande do Sul com frequência em setembro, está parado na Argentina e não consegue se deslocar sobre o Estado — acrescenta o meteorologista.

Na terça-feira, novamente, a Região Central e a Fronteira Oeste serão as mais afetadas e com os maiores volumes de água. O potencial para granizo diminui, mas ainda há grande risco para transtornos como alagamentos e deslizamentos de terra e os ventos ganham intensidade e podem passar dos 65km/h na metade oeste. Algumas cidades podem ultrapassar a média climatológica de precipitação para o mês de outubro. 

Leia as últimas notícias do dia 

 






 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.