Previsão de temporal

Chuvas devem marcar o fim de semana no Rio Grande do Sul

Mau tempo chega ao Estado acompanhado da possibilidade de queda de granizo e fortes rajadas de vento

Por: Zero Hora
11/02/2017 - 03h59min | Atualizada em 11/02/2017 - 10h08min
Chuvas devem marcar o fim de semana no Rio Grande do Sul Marina Pagno / Rádio Gaúcha/Rádio Gaúcha
Sábado começou com chuva fraca na Região Metropolitana Foto: Marina Pagno / Rádio Gaúcha / Rádio Gaúcha  

O fim de semana deve ser marcado pela chuva intensa no Rio Grande do Sul. O mau tempo chega aos municípios gaúchos acompanhado da possibilidade de queda de granizo e fortes rajadas de vento.

Segundo a Somar Meteorologia, a precipitação começa já nas primeiras horas da manhã nas regiões Oeste, Centro e Sul. Ao longo da tarde, a instabilidade ganha força e há risco de temporal em todo o Estado. Os maiores volumes devem se concentrar nos municípios que fazem fronteira com a Argentina e o Uruguai, onde as rajadas de vento podem ultrapassar 60 km/h.

Leia mais:
Chuva atinge grande parte do Estado nesta sexta-feira
Fim de semana pode ter temporais e queda de granizo no Rio Grande do Sul

Em razão da chuva, as temperaturas diminuem gradualmente no sábado em comparação à sexta-feira. Em Porto Alegre, os termômetros variam entre 22ºC e 32ºC. Já em Capão da Canoa, a mínima prevista é de 24ºC, e a máxima fica nos 30ºC.

No domingo, a chuva ganha ainda mais força em razão da formação de um ciclone extratropical no oeste do Estado. A previsão do tempo alerta para o risco de alagamentos e transbordamentos de córregos e rios. 

Ao longo do dia, as rajadas de vento seguem intensas — principalmente no Sul e no Litoral. Há chance de incidência de descargas elétricas.

Com o tempo fechado na maior parte do Rio Grande do Sul, as temperaturas entram em declínio pela manhã na faixa Oeste e pela tarde no Sul. Na Capital, os termômetros variam entre 23ºC e 33ºC. Em Torres, ficam entre 25ºC e 31ºC.


 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.