Animais no shopping

Novo shopping de Santa Maria quer permitir entrada de animais de estimação

Código de Posturas do município traz restrições quanto à iniciativa

Por: Rádio Gaúcha
10/03/2017 - 11h10min | Atualizada em 10/03/2017 - 12h50min
Novo shopping de Santa Maria quer permitir entrada de animais de estimação Shopping Praça Nova/Divulgação
Foto: Shopping Praça Nova / Divulgação  

Assim que o Shopping Praça Nova Santa Maria, que será inaugurado em setembro deste ano na cidade, abrir as portas, o empreendimento não quer receber apenas as pessoas. O shopping quer que os animais de estimação dos clientes possam circular pelas dependências do local. A iniciativa foi divulgada na página do Facebook do shopping, o que gerou uma grande aceitação por parte dos internautas.

Acontece que o Código de Posturas do município – que regula medidas de política administrativa, questões de ordem pública e funcionamento de estabelecimentos comerciais – proíbe esse tipo de situação.

No artigo 154, do Código de Posturas, está escrito que "é proibida a entrada de animais nos estabelecimentos públicos ou privados de uso coletivo". Conforme o texto, inserem-se nesse contexto cinemas, teatros, clubes esportivos e recreativos, estabelecimentos comerciais, industriais e de saúde, escolas, piscinas, feiras e balneários.

Leia mais
Câmara aprova regras de controle populacional de cães e gatos
Shana e seus 300 cães: o santuário dos cachorros que ninguém quis 
Eventos Brechocão e Me Adota? retornam à Redenção no domingo

A exceção está, conforme parágrafo único, junto a "estabelecimentos públicos ou privados de uso coletivo que possuírem autorização de órgão sanitário responsável, bem como os animais cujos donos possuam autorização de órgão sanitário responsável, e os cães utilizados por pessoas portadoras de deficiência visual como auxílio à locomoção".

A assessoria do shopping afirmou à reportagem que trabalha para "cumprir todas as leis e normas de regulação, inclusive as municipais". Além disso, a assessoria destaca que "o posicionamento do shopping como Pet Friendly (Amigo dos Animais de Estimação) será mantido de acordo com as orientações recebidas do município e dos demais órgãos competentes".

Do lado da prefeitura, o Executivo afirma que "é possível que o estabelecimento encaminhe uma solicitação à Superintendência de Vigilância em Saúde, pedindo autorização. Caberá à vigilância a análise do pedido, bem como o despacho. O objetivo é sempre buscar o bem comum, preservando a urbanidade e a civilidade".

Leia as últimas notícias


 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.