Pra sair do vermelho

Conheça o passo a passo para renegociar as suas dívidas sem sair de casa

Procon da Capital faz, até o dia 31, orientação sobre o portal Consumidor.gov.br a quem não tem acesso à rede

12/05/2017 - 16h14min | Atualizada em 12/05/2017 - 16h14min
Conheça o passo a passo para renegociar as suas dívidas sem sair de casa iStock,Getty Images/Divulgação
Foto: iStock,Getty Images / Divulgação  

O Procon de Porto Alegre quer dar uma força para quem está no vermelho e não sabe como ir atrás da renegociação das dívidas. A ferramenta que será apresentada a consumidores é o portal Consumidor.gov.br. Quem tem internet em casa já pode encaminhar a renegociação.

Leia mais:
CIEE oferece 1.456 vagas de estágio; veja como se candidatar
Juro mais baixo está demorando a chegar ao consumidor; veja dicas para salvar o seu bolso

Até o dia 31 de maio, o Procon terá uma força-tarefa esperando pelos consumidores em sua sede (Rua dos Andradas, 686, das 9h às 17h), na Capital. O foco será quem não tem acesso à internet ou precisa de auxílio para lidar com sites.   

São parceiros do portal instituições como Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Federal, Itaú Unibanco e Santander. Além de instituições financeiras, estão no site empresas de diversas áreas, de supermercados a hospitais. A ideia é que o consumidor se comunique diretamente com a empresa participante, que se compromete a receber, analisar e responder as reclamações em até dez dias.

– Até o final do mês, auxiliaremos os consumidores que têm dificuldade de acesso à internet no passo a passo da renegociação online das suas dívidas – ressalta a diretora executiva do Procon municipal, Sophia Martini Vial. 

6 pontos do passo a passo da renegociação online:

1. O consumidor precisa ter uma conta de e-mail válida. Ao acessar o Consumidor.gov.br, deve fazer cadastro para receber login e senha.

2. A partir disso, basta pesquisar pela instituição desejada. Se ela estiver cadastrada, selecione-a para formalizar a renegociação. 

3. Depois, clique em registrar reclamação. Em seguida, será preciso preencher os campos obrigatórios.

4. No momento da classificação do pedido, é importante selecionar no campo ¿Problema¿, a opção ¿Dificuldade na Renegociação/parcelamento de dívida". No campo ¿Descrição da Reclamação¿, é preciso relatar o problema, informando que deseja participar da ação de renegociação de dívidas.

5. A partir daí, começa a contagem do prazo para manifestação da empresa, que tem até 10 dias para analisar e responder a reclamação.

6. É garantida ao consumidor a chance de, em até 20 dias, comentar a resposta recebida, classificar a demanda como Resolvida ou Não Resolvida e ainda indicar seu nível de satisfação com o atendimento recebido.

Atenção: o conteúdo do campo "Descreva sua reclamação" será público. Ele poderá ser exibido na aba de consulta às reclamações registradas, portanto, não coloque informações pessoais que possam, de alguma maneira, identificá-lo.

Denúncias

O porto-alegrense também pode registrar suas reclamações pela internet, utilizando o site do Procon. A sede fica na Rua dos Andradas, 686, e funciona das 9h às 17h. Diariamente, são distribuídas 90 fichas de atendimento.


 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.