Mau tempo

RS deve ter chuva intensa, vento forte e ressaca neste sábado

Conforme a Somar Meteorologia, há condições para queda de granizo

Por: Zero Hora
12/08/2017 - 07h33min | Atualizada em 12/08/2017 - 07h41min
RS deve ter chuva intensa, vento forte e ressaca neste sábado Ronaldo Bernardi / Agência RBS/Agência RBS
Porto Alegre tem previsão de mais chuva Foto: Ronaldo Bernardi / Agência RBS / Agência RBS  

A partir deste sábado (12), temporais ganham força no Rio Grande do Sul. Segundo a Somar Meteorologia, três fenômenos atuando juntos — uma área de baixa pressão atmosférica no Paraguai e na Argentina, uma frente fria e um corredor de umidade — provocam chuva intensa, com possibilidade de granizo, e fortes rajadas de vento.

Além disso, a Marinha estendeu o aviso de ressaca para o litoral gaúcho até a manhã da segunda-feira (14). Nesse período, ondas de até quatro metros de altura poderão ser registradas, sendo que o nível de ressaca é atingido com dois metros e meio. A Marinha ressalta que as pessoas devem evitar o banho de mar e a navegação durante o período, principalmente fora da área da costa, onde o cenário costuma ser mais adverso.

Leia mais:
Marinha retoma buscas a barco desaparecido com 7 tripulantes na costa do RS
Ressaca atinge litoral gaúcho e vento ultrapassa 80 km/h
Ressaca arrasta bar flutuante em SC e fecha portos de Itajaí e Navegantes

Já na madrugada deste sábado, imagens de satélite mostraram nuvens bem carregadas, acompanhadas de muitas descargas elétricas, em grande parte do Rio Grande do Sul, principalmente no Sul. A influência é de uma região de baixa pressão que atua sobre a Argentina e Uruguai, que traz instabilidades para o Estado. Por isso, a Somar alerta para possibilidade de transtornos como alagamentos e destelhamentos, especialmente nas proximidades da Fronteira Oeste.

A temperatura mínima foi registrada em São José dos Ausentes, onde fez 11°C às 4h . A máxima é prevista para Iraí, onde pode fazer 27°C neste sábado. Em Porto Alegre, cos termômetros variam de 14°C a 20°C.

Porto Alegre amanheceu com nuvens carregadas Foto: Ronaldo Bernardi / Agência RBS

Confira a previsão do tempo para sábado:

Capital: chuva intercalada com períodos de tempo nublado. Mínima de 14°C e máxima de 20°C

Pelotas: chuva a qualquer hora do dia. Mínima de 17°C e máxima de 20°C

Caxias do Sul: tempo instável, com chuva isolada. Mínima de 14°C e máxima de 18°C

Santa Maria: chuva a qualquer hora do dia. Mínima de 16°C e máxima de 20°C

Santa Rosa: chuva a qualquer hora do dia. Mínima de 19°C e máxima de 22°C

Erechim: tempo instável, com chuva isolada. Mínima de 16°C e máxima de 25°C

Uruguaiana: chuva a qualquer hora do dia. Mínima de 17°C e máxima de 21°C

Torres: muitas nuvens ao longo do dia. Mínima de 13°C e máxima de 22°C

Rio Grande: chuva a qualquer hora do dia. Mínima de 17°C e máxima de 19°C

Mostardas: pancadas de chuva e trovoadas. Mínima de 18°C e máxima de 19°C

Passo Fundo: tempo instável, com chuva isolada. Mínima de 15°C e máxima de 22°C

Bagé: chuva a qualquer hora do dia. Mínima de 15°C e máxima de 18°C

PRÓXIMOS DIAS

No domingo, a chuva ganha força no Estado devido à passagem de uma frente fria, que se conecta à umidade da Amazônia e também de ventos que sopram do mar contra a costa. No decorrer do dia, no entanto, o tempo já começa a abrir na Fronteira Oeste. As temperaturas máximas caem à tarde em todo o Rio Grande do Sul, pelo excesso de chuva, e a sensação de frio aumenta à noite.

Na segunda-feira, um sistema frontal já se afasta para alto-mar, mas ainda restam instabilidades que mantém as nuvens e provocam chuvas mais fracas e ventos constantes no Centro do Rio Grande do Sul. Os ventos úmidos do mar reforçam a chuva no Litoral Norte gaúcho. Aumenta também o potencial para nevoeiros na faixa Leste, por conta do excesso de umidade. Já no Oeste, o tempo fica mais firme e faz frio nas primeiras horas do dia. As temperaturas se elevam novamente no período da tarde, gerando sensação mais agradável.

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.