Sobre Rodas

Fiat Mobi Like On, um urbano que também encara a estrada

Sub-compacto, típico carro para enfrentar as ruas das cidades com tranquilidade

04/01/2017 - 03h00min | Atualizada em 04/01/2017 - 03h00min

 * Publicado no blog Gilberto Leal em 23 de julho de 2016

Desafio da mobilidade nas metrópoles paradas Foto: Priscila Nunes / Especial

   Versátil, o Mobi é o próprio conceito de mobilidade no trânsito congestionado das cidades e que também enfrenta a estrada em pequenas viagens. Com condutor e acompanhante oferece bom conforto e desempenho compatível às características do motor 1.0 Fire Evo Flex. Modelo de entrada da Fiat no mercado brasileiro, agrada quem precisa de um carro rápido para a cidade e roda sozinho, com um ou dois passageiros em trechos curtos de tráfego pesado. As duas versões avaliadas por mais de mil quilômetros corresponderam à expectativa para o uso de um sub-compacto nas vias urbanas e nas rodovias dentro de suas limitações típicas. O Fiat Mobi Like On custa R$ 42.300.

   Linhas fluidas, o visual remete à nova identidade da Fiat já adotada na picape Toro com generosa grade, faróis e capô elevados, linha de cintura alta e recortes laterais.  Grandes lanternas arredondadas ressaltam a traseira. A pequena tampa do portas malas é em vidro preto. Já o interior remete ao do Uno, com saídas de ar quadradas no centro e redondas nas pontas e diversos porta-objetos. A posição de dirigir é boa e lembra a do Uno. Os bancos acomodam bem o condutor e acompanhante dentro da limitação do espaço. O porta-malas leva 235 litros.

   O Mobi roda tranquilo. A direção hidráulica precisa, responde bem. Com a posição do volante e os bancos confortáveis permitem uma boa condução na cidade e em trechos curtos na estrada. A suspensão macia ajuda enfrentar as irregularidades do pavimento das ruas como buracos e lombadas, comuns em cidades como Porto Alegre. Claro, dentro da velocidade adequada. Preciso, o câmbio manual de cinco marchas aproveita bem os até 75 cv do motor 1.0 Fire Evo Flex. Os 895 quilos do sub-compacto ajudam mas o propulsor sente o peso quando exigido em condições adversas. Exige frequentes trocas de marchas e acelerações mais fortes, principalmente em ultrapassagens.

   A versão avaliada é bem completa. O quadro de instrumentos vertical conta com marcadores analógicos e digital de fácil visualização. O  display de 3,5 polegadas é simples, e traz  informações básicas. O Like On conta direção hidráulica, volante funcional com regulagem de altura, ar-condicionado, banco do condutor com regulagem de altura, computador de bordo, vidros e travas elétricos, rádio Connnect integrado ao painel com RDS, viva-voz Bluetooth e função Audio Streaming, sistema de conectividade para smartphones iOS e Android via Bluetooth.

Foto: Gilberto Leal / Especial

    Também freios ABS com EBS e duplo airbag, faróis de neblina, rodas de liga leve de 14 polegadas, tecidos diferenciados em duas cores com costuras brancas retrovisores elétricos e sensores de estacionamento, entre outros itens.

   O Mobi Like On, a versão mais completa do sub-compacto Fiat, atende às necessidades de quem anda sozinho ou principalmente com um acompanhante, e precisa de um carro para enfrentar o trânsito congestionado das cidades com conforto e segurança dentro das limitações do espaço e da potência do motor.

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.