Lançamento

Mini Cooper Countryman, conforto, tecnologia e desempenho esportivo

São três versões do compacto com duas opções de motores, outras duas de câmbio e preços de R$ 144.950 a R$ 189.950

Por: Gilberto Leal
14/07/2017 - 08h01min | Atualizada em 14/07/2017 - 08h01min

Com Priscila Nunes/Especial

Maior, reestilizado e com mais recursos eletrônicos, o novo Countryman chega para aumentar as vendas da Mini no mercado brasileiro que deverão passar de 1.460 unidades,em 2016, para cerca de 1.700 neste ano. Representará 30% do volume da marca no país, atrás do Cooper Hatch três portas que ficará com 40%. O Mini Countryman 2017 tem três versões com preços de R$ 144.950, da opção de entrada Cooper, R$ 164.950, da intermediária Cooper S, e R$ 189.950, da topo de linha Cooper S ALL4

O estilo robusto valorizado na identidade visual da marca britânica Foto: Priscila Nunes/Especial

A nova geração do Countryman valorizou o visual robusto da identidade da marca, a visibilidade externa, o espaço e o conforto para os ocupantes. O gerente de Vendas, Produto e Preços da Mini, Rodrigo Novello, destaca que a veículo traz também mudanças na versatilidade, esportividade e qualidade premium. A avançada tecnologia e conjunto mecânico foram desenvolvidos para permitir a dirigibilidade adequada nas diferentes situações e terrenos. 

Faróis Full LED adaptativos, iluminação diurna e auxiliares de neblina também em LED Foto: Priscila Nunes/Especial

 A Iesa, concessionária gaúcha da Mini, pretende vender mais 100 unidades dos diversos modelos do compacto premium até dezembro e manter a média de 2016 que foi de 8,6% do segmento. Seu diretor, Ambrósio Pesce, destaca a evolução dos produtos, opções de preços e a entrega de conteúdo muito maior em relação aos concorrentes. 

Volante multifuncional  e quadro de instrumentos com mostradores analógicos e digitais Foto: Priscila Nunes/Especial

Montado sobre a mesma plataforma dos BMW X1 e X2, proporções bem definidas, o Countryman cresceu 20 centímetros no comprimento, agora de 4,299 metros, e 7,5 centímetros na distância entreeixos, que passou para 2,670 m. O porta-malas leva de 450 litros de carga até 1.390 litros com os bancos traseiros rebatidos.

Motores turbo a gasolina de três cilindros 1.5 com 136 cv e quatro cilindros 2.0 de 192 cv Foto: Priscila Nunes/Especial

O novo Countryman traz faróis Full LED adaptativos, iluminação diurna em LED que contorna os faróis, auxiliares de neblina também em LED e rodas de liga leve leve de aro 17, 18 e 19 polegadas conforme a versão. Também direção elétrica, revestimento em couro, volante e bancos dianteiros esportivos com comandos elétricos e duas opções de conjuntos propulsores: Cooper, de três cilindros 1.5 Turbo, 136 cv e força (torque) de 22,4 kgfm e câmbio automático de seis velocidades. S e ALL 4, quatro cilindros 2.0 Turbo de 192 cv e força de 28,5 kgfm e câmbio automático de oito velocidades.

Interior sofisticado, volante multifuncional e detalhes próprios para cada versão Foto: Priscila Nunes/Especial

O display circular de 8,8 polegadas incorporado ao painel de instrumento central, conta com sistema de navegação Mini Professional com tela sensível ao toque. Uma das novidades é o Mini Find Mate, kit sem fio que acompanha por wireless objetos utilizados frequentemente, como malas e chaveiros, entre outros. A localização pode ser feita pelo computador de bordo ou por sinal sonoro do smartphone

Sistema de informação e entretenimento com LEDs que mudam de cor Foto: BMW Divulgação

 Versões e preços

Mini Countryman

Cooper - R$ 144.95

Versão de entrada -. volante esportivo multifuncional, bancos revestidos em couro sintético, ajustes elétrico e memória, ar-condicionado digital de duas zonas, rádio Mini Visual Boost com tela de 6,5 polegadas, controle eletrônico de velocidade com função freio, sensor de estacionamento traseiro, faróis, auxiliares de neblina e iluminação diurna em LED, kit de reparo de pneus, rodas de liga leve aro 17x7,5 polegadas e pneus 225/55 R 17

Opcionais

Câmera de ré, teto solar panorâmico, bancos em couro e Pacote Parking com sensores de estacionamento dianteiro e traseiro e parking assistan

Cooper S - R$ 164.950

Versão intermediária - mais bancos revestidos em couro, teto solar panorâmico com acionamento elétrico, controle de performance rodas de liga leve aro 18 x 7,5 polegadas, pneus 22/50 R18 e teto solar panorâmico.

Opcionais

Revestimento em couro Lounge/Chester, câmera de ré e pacote Parking – sensores de estacionamento dianteiro e traseiro e parking assist.

 S ALL4 - R$ 189.950

Versão topo de linha - volante esportivo com aletas para troca sequencial de marchas, acabamento detalhes em preto brilhante iluminado, bancos em couro cross punch preto carbono, sistemas de entretenimento e informação com tela sensível ao toque de 8,8 polegadas, disco rígido de 20GB, navegação, câmera de ré, som Hi-Fi Harman Kardon, head up display, suspensão adaptativa, rodas de liga leve aro 19x8 polegadas, pneus runflat 225/45 R19, entre outros.

Opcionais

Revestimento em couro Lounge/Chester e pacote Parking. 

 Nas ruas e estradas

Ótima posição de conduzir, espaço, conforto e baixo nível de ruído interno Foto: Gilberto Leal

O comportamento do Countryman mudou completamente em relação à geração anterior. No test-drive realizado nesta semana, mostrou que é um carro novo em todos os sentidos. Foram cerca de 250 quilômetros entre Porto Alegre e Bento Gonçalves percorridos com as três versões. No trânsito congestionado na saída da capital e na BR/116, mais livre nas RS 448 e 122, mas principalmente na subida da serra até o Vale dos Vinhedos, o Countryman rodou tranquilo. Na versão de entrada, completa, os 136 cv são bem distribuídos pelo câmbio automático de seis velocidades. 

Cromados e pintura em dois tons realçam o visual Foto: Priscila Nunes/Especial

Quem gosta de desempenho, os 196 cv do motor 2.0 e câmbio automático de oito velocidades fazem a diferença. Para quem ainda quer mais, a opção top com avançados recursos eletrônicos entusiasma. Além da tração integral nas quatro rodas é possível programar em quatro opções as principais funções do conjunto mecânico como motor, câmbio , suspensão e freios, entre outros. No Modo Normal, o Countryman roda como um carro comportado. No Sport, prova que não brinca em serviço, desafia o condutor, e auxilia nas situações mais fortes, o que  aumenta a segurança e evita riscos. O difícil é manter os limites de velocidades. O baixo ruído do conjunto propulsor, a ótima estabilidade e o silêncio interno aliados ao conforto enganam frequentemente o motorista.

A jornalista Priscila Nunes também conduziu as três versões e considerou o Countryman um carro esteticamente bonito e a cor azul chamou a atenção. No  interior surpreendeu a qualidade do acabamento, o conforto e, principalmente na parte de trás, os bancos com ajustes no ALL4. 

Os bancos traseiros contam com ajustes na versão topo de linha ALL4 Foto: Priscila Nunes/Especial

- O painel em formato circular e os LED que mudam de cor, deixam o Mini moderno é autêntico. Os ajustes do banco do motorista e do carona são completos. E, com a regulagem do volante em altura e profundidade, o domínio do carro é perfeito. A pessoa pode ser alta ou baixa, tanto faz, pois qualquer altura pode se se adaptar perfeitamente com tranquilidade. 

Priscila gostou do motor do carro, potente e ideal para viajar seja para praia ou para serra.

- Dirigir o Mini Cooper foi uma sensação de leveza e realização do dia. 

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.