Peso pena

Mustang Shelby ganha carroceria de fibra de carbono

O modelo ficou mais leve, mas montadora não revela o quanto

11/08/2017 - 13h46min | Atualizada em 11/08/2017 - 13h46min

O Ford Mustang nunca teve no peso sua característica mais forte. E lá se vão mais de 50 anos de história. Para oferecer um Shelby GT350 com mais leveza, a empresa americana chamada SpeedKore Performance Group criou uma alternativa: a substituição da carroceria do GT350 e do GT350R por peças de carbono. Com menos peso, mas também mais caro. O preço? R$ 200 mil.

Mais leve, o Mustang Shelby ganhou uma carroceria de fibra de carbono Foto: Divulgação / Ford

DESEMPENHO IN LOCO

O comediante norte-americano Jay Leno, dono de uma imensa coleção de automóveis e proprietário de um Shelby Mustang GT350R, dirigiu o veículo com a carroceria de fibra de carbono e conversou com o vice-presidente da SpeedKore, David Salvaggio sobre as mudanças feitas no veículo. Salvaggio não informa em quanto o peso do GT350R foi reduzido em relação à 1,7 tonelada do original, mas Leno afirma que o veículo transmite a sensação de ter ficado muito mais leve, tanto na dirigibilidade quanto no desempenho.

O GT350 sai de fábrica com um V8 de 5,2 litros, 533 cv e 59,3 kgfm, simplesmente o motor aspirado mais potente já feito pela Ford.

 
 
 
 
Zero Hora No jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.